Agentes comercializam novos destinos

Agentes comercializam novos destinos
 
A segunda edição da Caravana Brasil Nacional chega ao fim com sucesso. No total, 133 operadores de turismo e agentes de viagem participaram do projeto, que tem como objetivo incentivar a comercialização de destinos turísticos. O resultado é positivo: houve ampliação de 32,14% na divulgação de produtos e novos roteiros dos destinos visitados nos portfólios dos participantes do projeto.
Além disso, mais de 90% dos agentes de viagem afirmaram que o conhecimento adquirido com a participação nas caravanas promoveu uma maior e melhor comercialização desses destinos em suas agências. Foram 12 viagens técnicas para 11 estados brasileiros: Alagoas, Goiás, Paraná, Amazonas, Rio de Janeiro, Maranhão, Mato Grosso do Sul, Pará, Pernambuco, Bahia, Santa Catarina e Rio Grande do Sul.
O balanço da edição 2010 foi divulgado nesta quinta-feira (23) pelo ministro do Turismo, Luiz Barretto, e por José Eduardo Barbosa, presidente da Associação Brasileira das Operadoras de Turismo (Braztoa), entidade executora do projeto. 
“É uma ação completa, que oferece capacitação para fornecedores locais, encontros de negócio e conhecimento. Queremos que o brasileiro conheça melhor o país e, para isso, os agentes de turismo são peças fundamentais”, afirmou o ministro. As edições 2008/2009 e 2010 da Caravana Brasil contaram com a participação de 684 agentes de viagem e operadores de turismo. Na tabela em anexo estão os locais visitados. 
Silvia Resende, dona de uma agência de viagem em Maringá (PR), participou da caravana para Belém (PA) e aprovou a iniciativa. “Nós conhecemos lugares fantásticos. Agora, podemos vender o destino com muito mais propriedade”, garantiu.
O projeto também realiza viagens técnicas com jornalistas, com o objetivo de aumentar a divulgação dos destinos. Duas ainda estão previstas para esse ano. A primeira, entre os dias 13 e 17 de outubro – para Santarém (PA) – e a segunda com destino a Brasília (DF), nos dias 5, 6 e 7 de novembro.

Fonte: Assessoria

0 comentários

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.