Alerj aprova investimento em estradas

Parlamento garante R$ 20 milhões para governo
 

A Assembleia Legislativa do Rio aprovou, em discussão única,o projeto de lei 2.427/09 (Mensagem 26/09), que autoriza o Poder Executivo, autor da proposta, a contratar operação de crédito no valor de R$ 20 milhões junto ao Banco do Brasil, para a Secretaria de Estado de Agricultura, Pecuária, Pesca e Abastecimento (Seappa) manter e recuperar estradas vicinais. Líder do Governo e presidente da Comissão de Constituição e Justiça (CCJ), o deputado Paulo Melo (PMDB) explicou que a sugestão da proposta partiu do presidente da Casa, deputado Jorge Picciani (PMDB), e dele mesmo. "Temos viajado muito pelo interior do estado e observado que a maioria das estradas vicinais é de terra, o que causa grandes perdas aos agricultores e ao desenvolvimento da economia. Então demos uma ideia para que o Governo possa criar uma patrulha mecanizada para ajudar os municípios mais pobres", contou Melo.

Vice-presidente da Comissão de Agricultura da Alerj, o deputado Nelson Gonçalves (PMDB) parabenizou os companheiros do PMDB pela proposta e retirou as cinco emendas que havia apresentado, afirmando que o Governo do estado garantiu a chegada dos investimentos a todas as cidades fluminenses. O secretário de Agricultura, Christino Áureo, esteve presente na sessão e comemorou a aprovação do texto. "Hoje é um dia histórico para a agricultura do estado do Rio porque este é o maior investimento já feito em mecanização agrícola, levando-se em conta todos os outros governos que já passaram pelo estado, inclusive antes da fusão. O valor de R$ 20 milhões ainda será somado a um investimento de R$ 5 milhões do próprio Executivo, totalizando R$ 25 milhões", contou Áureo. O secretário explicou também como o projeto será posto em prática: "Faremos com que as patrulhas mecanizadas, com a Empresa de Assistência Técnica e Extensão Rural (Emater), tenham condições de fazer a manutenção da rede de vicinais, que é de jurisdição dos municípios, mas grande parte não tem condição financeira de fazer".

Ainda conforme Áureo, a manutenção dessas estradas será feita de forma preventiva. "A cada novo período chuvoso temos perdas que se acumulam a perdas do ano anterior. Com esses recursos, as famílias da zona rural que precisam ir ao hospital, às escolas, ao posto de saúde, também começarão ter a qualidade de vida melhorada", disse o secretário. Para as obras, a secretaria vai adquirir uma patrulha moto-mecanizada, composta de moto-niveladoras, tratores de esteira e de pneus, caminhões basculantes, veículos de apoio, rolos compactadores, retro-escavadeiras e escavadeiras hidráulicas, pás carregadoras e equipamentos complementares.

Fonte: Alerj

0 comentários

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.