CDD ganha Banco Comunitário

Descontos e Linha de crédito para a comunidade
 
Descontos e Linha de crédito para a comunidade
Na manhã desta quinta-feira, dia 15 de setembro, o prefeito da cidade do Rio de Janeiro, Eduardo Paes, e o Secretário de Desenvolvimento Econômico Solidário, Marcelo Henrique da Costa, inauguraram o primeiro banco comunitário carioca – o Banco Comunitário Cidade de Deus, na Zona Oeste da cidade.
Na ocasião estavam presentes representantes do BNDES, Banco do Brasil, CAIXA, o deputado federal, Edson Santos, o subprefeito da Barra, Jacarepaguá e Vargens, Tiago Mohamed, a administradora regional da Cidade de Deus, Miria Ferreira, entre outros.
Em seu discurso, o prefeito ressaltou que todos os moradores ganham com a chegada do banco à comunidade. “A riqueza gerada aqui permanecerá aqui. Os moradores da Cidade de Deus têm enorme potencial de produzir riquezas internamente, de negociar e usar o mercado do bairro. A moeda local vai viabilizar que essa riqueza permaneça aqui.”, disse Paes.
 
As cédulas denominadas CDD trazem estampadas imagens de pessoas de importância social que fazem ou já fizeram parte da comunidade e também da Casa do Barão da Taquara, que fica na Fazenda Olho D`Água. Uma das notas, a CDD 1, presta homenagem a uma das moradoras do local, que vive na comunidade há 42 anos, a Srª Geralda Maria de Jesus, 84 anos, que está viva e lúcida e pode acompanhar a chegada de mais uma novidade ao seu bairro. Ela estava muito feliz na cerimônia e informou que a nova moeda vai estimular o consumo local. “Hoje a comunidade se sente acolhida pelo Poder Público. E agora o nosso dinheiro vai circular aqui”, declarou. 
 
O projeto Banco Comunitário é uma iniciativa da Secretaria Municipal de Desenvolvimento Econômico Solidário. Com as moedas sociais, de 0,50 centavos, 1, 2, 5 e 10 CDDs, equivalentes a reais, os moradores terão até 10% de desconto no comércio local. Além disso, eles poderão ter acesso a linhas de crédito em reais para investir na produção e a empréstimos em moeda social para o consumo.

Fonte: Plantão Barra: Graça Paes

0 comentários

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.