Cedae encontra “gato” e recolhe hidrômetros

Ação foi no Méier, na Zona Norte
 

Policiais da Delegacia de Defesa dos Serviços Delegados (DDSD) e técnicos da Assessoria de Segurança Empresarial da Nova Cedae encontraram uma ligação clandestina e outras situações sob suspeita em cinco estabelecimentos no Méier, Zona Norte da Cidade. Sete hidrômetros foram recolhidos para perícia e um dos comércios ainda teve a água cortada por estar com a conta em débito. 

No Restaurante Reza Forte, à Rua Tenente Cerqueira Leite, nº 7, a equipe flagrou a existência de ligação clandestina de ¾ de polegadas de diâmetro. Os dois hidrômetros do local ainda foram encaminhados à DDSD para perícia, pois há indícios de que foram manipulados para reduzir a conta de água do estabelecimento, onde trabalham cerca de 15 funcionários. Além disso, a água fornecida pela Cedae ao comércio foi cortada por falta de pagamento.  

O proprietário foi levado à DDSD para prestar esclarecimentos. Ele ainda é dono de outro estabelecimento comercial – denominado Botequim do Zé – suspeito de usar água de forma ilícita. O bar, que ocupa os números 12 e 14 da mesma rua do Restaurante Reza Forte, tinha dois hidrômetros igualmente com vestígio de irregularidade. Os equipamentos também foram levados à DDSD para perícia. 

Na mesma rua, a Tenente Cerqueira Leite, mas no nº 15 D, onde funciona o Bar e Restaurante Controvérsia, os técnicos da Cedae recolheram mais um hidrômetro sob suspeita de violação. A mesma situação foi verificada nos hidrômetros do Dino`s Bar, na Rua Constança Barbosa, nº 65 A, e no da Lanchonete Dieffenbachia Ltda, na Rua Grauben Barbosa, nº 17. Todos os equipamentos foram levados à DDSD e serão submetidos à perícia.

“Ligações clandestinas contribuem para desabastecer algumas localidades, além de causar grande prejuízo nos cofres da Cedae”, afirma o presidente da companhia, Wagner Victer, ressaltando que furto de água é crime previsto no Código Penal.

 Campanha de regularização

Durante a campanha “Ser legal não custa nada”, os clientes com ligações irregulares poderão regularizar sua situação sem ter que pagar qualquer multa, desde que procurem uma das agências comerciais da Cedae. Os profissionais dessas unidades já estão prontos para regularizar de forma simples e rápida a situação do cliente. Outras informações podem ser obtidas pelo telefone 0800 282 1195 ou pelo site www.cedae.rj.gov.br.

Fonte: Cedae

0 comentários

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.