Crítica do filme “A noite do jogo”

Até que ponto jogo e realidade podem se confundir?
 

Por Graça Paes, RJ (Agência Zapp News)

 

 

Com direção de John Francis Daley e Jonathan M. Goldstein. O longa retrata a vida de Max e Annie, um casal, que se conheceu através de um jogo, e que participa de um grupo de casais que organizam noites de jogos. Tudo vai muito bem, até que o irmão de Max, Brooks, chega, a pacata cidade e decide organizar uma festa com um jogo que tem assassinato e mistério e sua nova casa.

 

 

Durante esta noite, no meio do jogo, Brooks é sequestrado e todos os participantes acreditam que tudo faz parte da misteriosa brincadeira, mas o que os seis amigos descobrem é que vão precisar resolver o caso para vencer o jogo, cujo rumo vai se tornando cada vez mais inesperado.

 

 

É uma comédia com tons de romance, bem escrita, bem dirigida e com ótimas cenas de ação.  Fotografia, trilha sonora e um humor bem trabalhado definem este longa. Se prepare, pois você irá rir do início ao fim.

 

 

A Agência Zapp News já assistiu, recomenda e dá nota 10.

 

 

 

0 comentários

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.