Dedic em operação no Recreio

Plantão Barra – 42ª DP do bairro conta com o programa desde o dia 8/9
 
O Subchefe Administrativo da Polícia Civil, Rodolfo Waldeck, e a delegada da 42ª Delegacia Legal de Polícia do Recreio, Carolina Salomão, apresentaram oficialmente à comunidade o Projeto da Delegacia de Dedicação Integral ao Cidadão (Dedic), na manhã de terça-feira 28/9, nas dependências da 42ª DP. 
 
Durante a palestra sobre o projeto, que está em operação desde o início do mês de setembro, Rodolfo Waldeck falou do novo modelo de atendimento ao cidadão da sua importância para a Polícia Civil. Ele lembrou ainda que a descontinuidade na investigação, com o sistema de 24h de trabalho por 72h de descanso, comprometia o trabalho da polícia judiciária. “Com a implantação do novo programa, por meio de jornadas diárias de oito horas de serviço, toda lógica está mudando”, afirmou.
 
O serviço visa atender a vítima de forma personalizada, em sua própria residência ou trabalho, conforme sua conveniência, ou com data e hora marcados na delegacia.  Para tanto, o cidadão deve entrar no site da Polícia Civil, acessar a página do Dedic e fazer um pré-registro, que será transformado em registro de ocorrência definitivo, posteriormente, com a visita do policial.  “O programa revitaliza a polícia judiciária, constrói uma rede de confiança e informação, que é fundamental para solucionarmos nossas investigações”, finalizou Waldeck.
 
A Delegada Titular da 42ª DP pediu à comunidade que ajude na divulgação do programa, que hoje já contabiliza 18 mandatos de prisão, 100 inquéritos relatados com autoria e 39 flagrantes enviados à Justiça.  “O nosso objetivo é esclarecer a autoria e a materialidade do crime. O Dedic estabelece uma rede de confiança, facilitando a troca de informações”, analisou. 
 
De acordo com o sistema do projeto, durante a visita o policial irá esgotar todas as possibilidades de investigação, atender bem o cidadão e ouvir testemunhas, se for o caso. O registro de ocorrências é enviado por e-mail, naquele momento, para a delegacia e a vítima. Num segundo momento, o cidadão recebe uma ligação do delegado responsável, informando sobre o andamento das investigações e das ações realizadas para solucionar o problema.
 
O Dedic foi adotado inicialmente nas Delegacias de Copacabana (12ª DP), Leblon (14ª DP), Gávea (15ª DP), Barra da Tijuca (16ª DP), Tijuca (19ª DP), Campo Grande (35ª DP), Icaraí, em Niterói (77ª DP) e na Delegacia de Homicídios (DH). A 42ª DP, no Recreio dos Bandeirantes, a 41ª DP, no Tanque, a 31ª DP, em Ricardo de Albuquerque e a 13ª DP, em Ipanema, também já receberam o serviço. Em outubro, O Dedic será instalado ainda nas Delegacias do Catete (9ª DP), Botafogo (10ª DP), Praça da Bandeira (18ª DP) e Vila Isabel (20ª DP).

Fonte: Margareth Santos

0 comentários

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.