Detro multa empresas por problemas no GPS

Detro multa empresas por problemas no GPS
 
O Departamento de Transportes Rodoviários (Detro) realizou ontem operação nas garagens de cinco empresas que atuam no transporte intermunicipal de passageiros, a fim de checar o cumprimento da portaria que torna obrigatória a instalação do Global Position System (GPS) nos ônibus.
 
A Auto Viação Vera Cruz, a Expresso Mangaratiba, a Viação Costeira, a Viação União e a Expresso Cruzeiro do Sul foram infracionadas por falha na ligação entre seus sistemas de GPS e o Centro de Controle Operacional do Detro. O valor da multa é de R$ 1.715,02. Novas ações serão realizadas nas garagens das empresas intermunicipais ao longo da semana. Estas empresas foram inspecionadas primeiramente, porque os operadores do sistema detectaram irregularidades no envio das informações.
 
— O estado do Rio de Janeiro foi pioneiro na implantação desse sistema na sua frota. Hoje, 100% dos ônibus intermunicipais estão com o equipamento instalado. Todos ganham com as informações disponibilizadas pelo GPS. O Detro aumenta seu poder de fiscalização, o passageiro ganha um transporte mais seguro e de melhor qualidade e o empresário pode administrar melhor sua frota. Por isso, estaremos agindo firmemente contra aqueles que detectarem problemas em seu sistema e não o solucionarem, afirmou o presidente do Detro, Rogério Onofre.
 
O problema da ligação entre os sistemas foi solucionado pelos técnicos da empresa. Caso seja comprovada reincidência em novas operações, a empresa é novamente infracionada, sendo que o valor da multa dobra. Com os equipamentos, o órgão pode fiscalizar online infrações como descumprimento do quadro de horários e dos itinerários, a não parada nos pontos previstos, entre outros. Desta forma, o Detro visa melhorar a qualidade dos serviços prestados pelas empresas de ônibus no estado. A obrigatoriedade da instalação do GPS foi normatizada em 2008, em portaria publicada pelo Detro.

Fonte: Governo do Rio

0 comentários

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.