Duque de Caxias promove happy hour com companhia de dança no RMC

A “Mova- se” foi criada há 22 anos e é formada por 34 alunos-dançarinos de vários municípios da Baixada Fluminense
 

2016.08.15-Happy-Hour-Duque-de-Caxias-JM-Coelho-3-1

 

Na segunda-feira, dia 15 de agosto, a Secretaria de Turismo de Duque de Caxias, na Baixada Fluminense, preparou uma happy hour para mostrar que o município não é só um polo industrial e que prioriza as manifestações culturais. A companhia de dança moderna “Mova-se” trouxe para o Rio Media Center uma coreografia que mistura o hip hop e as tradições africanas. 

 

 

 

Para o secretário de Cultura e Turismo de Duque de Caxias, André de Oliveira, a presença do município no RMC é uma oportunidade de mostrar uma cidade que poucos conhecem, que tem 58% do seu território em área verde e possui forte ligação com a história do país. Uma das primeiras fazendas de cana-de-açúcar do país, a Fazenda do São Bento, está em Duque de Caxias. “Para nós, poder mostrar toda esta riqueza é fundamental”, destacou o secretário.

 

 

 

Duque de Caxias é o terceiro município mais populoso do estado do Rio. O nome da cidade homenageia o patrono do Exército Brasileiro, Luís Alves de Lima e Silva, nascido na região em 1803, e que também é chamado de O Pacificador.

 

 

 

Num levantamento do patrimônio histórico do município, a Secretaria identificou sete pontos que estão em processo de tombamento pelo Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (IPHAN ), entre igrejas, ruínas e museus. Duque de Caxias apresentou folders, mapas e um farto material de divulgação para atrair os jornalistas credenciados no RMC.

 

 

 

Além de Duque de Caxias, o município de Nova Friburgo, na Região Serrana do Rio, também marca presença no Rio Media Center. Com forte influência de europeus, Nova Friburgo é famosa também por suas montanhas, rios e cachoeiras. Numa parceria com o RMC, foram programadas duas press trips nos dias 19 e 24, com roteiros diferentes.

 

 

 

Para o secretário de Turismo de Friburgo, Nauro Grehs, a parceria com o Rio Media Center acontece em um momento importante para a cidade, uma das mais atingidas pela forte chuva de 2011, que causou uma tragédia em toda a Região Serrana. “Queremos reverter o noticiário ruim daquela época e mostrar que a cidade está reconstruída e pronta para receber os visitantes”, enfatizou o secretário.

 

 

 

Fotógrafo: JM Coelho

 

 

0 comentários

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.