Esgoto a céu aberto no Camorim

Plantão Barra – Ligações irregulares e falta de manilhas adequadas causam transtornos
 

Os moradores da Rua Clóvis Corrêa da Costa, no Camorim, sofrem há meses com um bueiro que jorra esgoto à luz do dia e causa transtornos em época de chuvas. A aposentada Rita de Oliveira diz que a subprefeitura já foi informada sobre a questão, mas que nada foi resolvido. “Eu moro aqui há quase 50 anos e nunca tinha visto algo parecido. Esse esgoto está assim há muito tempo e quando chove fica pior. A água invade as casas e a rua fica intransitável”, comenta.

Cátia Marins, dona-de-casa, conta que a Cedae e a Prefeitura estiveram no local, instalaram manilhas, no entanto a ligação à rede de esgoto não foi concluída. “A situação está assim há muito tempo. Inclusive, um menino da rua foi internado com problemas de saúde por causa dessa poluição”, recorda. Ela comenta que após a construção de um condomínio próximo, os bueiros passaram a lançar o esgoto na rua, e que a causa seria uma ligação irregular realizada num terreno vizinho.

O presidente da Associação de Moradores São Gonçalo Amarante, Carlos Roberio dos Santos, reclama do abandono em que a comunidade se encontra. “Fomos esquecidos. Ninguém nos ouve” frisa. Santos afirma que também já solicitou à subprefeitura um container para acomodar o lixo da região e que até o momento ainda não teria sido atendido. Outro problema que a associação tenta solucionar é a poda das árvores que margeiam a Estrada do Camorim. “À noite isso aqui fica um breu só. Nós já pedimos à Comlurb, porém, mais uma vez, nada foi feito”, relata.

Fonte: Margareth Santos

0 comentários

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.