Estado formaliza parceria com Afroreggae

Foco na reintegração social de detentos e ex-detentos
 
O Governo do Estado oficializou, na segunda-feira (26/9), em evento realizado no Palácio Guanabara, parceria entre a Secretaria de Trabalho e Renda e o Programa Empregabilidade do Grupo Cultural AfroReggae. Com foco na reintegração social de detentos em liberdade condicional e ex-detentos, a iniciativa será ampliada com o apoio do governo estadual por meio de ações como a emissão de documentos, intermediação de mão de obra e cursos de capacitação. De acordo com a Setrab, no primeiro ano da ação conjunta será disponibilizado R$ 1,1 milhão para o programa. 
 – A Secretaria de Trabalho vai ajudar oferecendo mais estrutura a este programa inovador que é o Empregabilidade.  O Estado não está dando o peixe e, sim, está, junto com o AfroReggae, ensinando a pescar, dando a oportunidade. Não tenho dúvida de que este programa tem tudo para ser um grande carro nacional, um grande estímulo para que outros estados façam o mesmo – disse o governador.
O Empregabilidade já inseriu no mercado de trabalho formal 2.200 pessoas (dados até setembro de 2011), sendo cerca de mil egressas do sistema penitenciário ou ainda detentos cumprindo liberdade condicional. Do total de beneficiados, cerca de 30% são mulheres, 20 delas ex-presidiárias. Cinquenta e três empresas colaboram com o programa.
– Vamos entrar com nossos postos de emprego, a caravana do trabalho e cursos profissionalizantes. No caso da caravana, por exemplo, são veículos, carretas, ônibus e vans que levam às comunidades serviços como emissão de carteira de trabalho e que realizam  intermediação de mão-de-obra. Vamos priorizar, neste trabalho, os egressos do sistema penitenciário – afirmou o secretário de Trabalho e Renda, Sergio Zveiter.
De volta à sociedade
Diretor do grupo cultural AfroReggae, Reginaldo Lima, comemorou a parceria lembrando que o trabalho já realizado pela instituição de Vigário Geral ganhará robustez ao receber o apoio estrutural e financeiro da Setrab. – Agora vamos poder atender mais e melhor os ex-detentos. Trabalhamos no sistema prisional, estamos presentes no complexo penitenciário de Bangu e em outros presídios. Lidamos com este ator penal, mostramos o nosso trabalho, eles compreendem o modelo e acabam sendo convidados a regressar à sociedade para trabalhar, retomar a vida e esquecer o passado de crime – contou.
Instalado no centro do Rio de Janeiro, o escritório do Empregabilidade é coordenado por Norton Guimarães, de 54 anos. O ex-detento esteve durante 30 anos na criminalidade e  11 anos preso.
– Nosso programa teve um início árduo, portas se fecharam, havia preconceito e hipocrisia. Acho que o Governo do Estado está dando condições para que o nosso futuro fique mais iluminado. Esta parceria com a Setrab é o voo que o programa precisava para ser ampliado.
Egresso do sistema prisional Bangu III, o ex-traficante, Chinaider Pinheiro, de 36 anos, transformou sua vida e agora contribui para garantir o retorno de outros ex-detentos ao mercado de trabalho. Ele trabalhou como multiplicador da proposta e já foi supervisor do programa Empregabilidade.
– O AfroReggae entrou nesta luta porque a sociedade não acreditava na recuperação das pessoas. Minha mensagem para os que têm preconceito é a seguinte: limpem um pouco seus corações e acreditem mais no ser humano, todos devem ter uma segunda chance.
A cerimônia de oficialização da parceria contou com a apresentação da Orquestra de Cordas AfroReggae. O grupo foi convidado pelo governador Sérgio Cabral a participar da inauguração da reforma do Palácio Guanabara.

Fonte: Governo do Rio

0 comentários

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.