Floresta da Tijuca com sinalização para ciclistas

Toda área será sinalizada
 

 A partir de domingo, os sete quilômetros da Estrada da Vista Chinesa – um dos trechos mais frequentados por ciclistas na Floresta da Tijuca – vão ganhar sinalização especial (avisos e placas orientando motoristas e ciclistas para o uso compartilhado da via). A quilometragem vai ser indicada a cada 500 metros, pinturas no chão vão identificar que a área é de uso também das bicicletas e a velocidade para carros será limitada a 40 km/h.  A nova sinalização vai ser inaugurada pelo prefeito Eduardo Paes que fará um passeio de bicicleta a partir da Vista Chinesa, acompanhado de atletas (como Fernanda Keller) e do ex-prefeito de Bogotá, Enrique Peñalosa – que veio ao Rio para assinar convênio com a prefeitura para ampliar a rede de ciclovias cariocas.
 
Peñalosa é membro do ITDP (Institute for Transportation and Development Policy) – organismo internacional que desde 1985 ajuda governos em todo mundo a desenvolver políticas públicas de transporte mais sustentáveis, poluindo menos o meio ambiente. O convênio com a cidade do Rio de Janeiro é para financiar estudos de projetos de novas ciclovias e ciclofaixas, com a expectativa de dobrar a malha cicloviária atual, que é de 150 km – a maior do País.
 
A administração de Peñalosa na área de transportes ficou famosa pela criação do Transmilênio, o sistema de ônibus rápido de Bogotá que servirá de base para o corredor T5 entre Barra e Penha, e a ampliação das ciclovias que hoje se estendem por cerca de 350 km da capital colombiana – a maior malha cicloviária da América Latina e mais do que o dobro da existente no Rio de Janeiro.
 
O convênio entre Paes e Peñalosa será assinado na Gávea Pequena, residência oficial do prefeito do Rio, logo depois do passeio de bicicleta pela Floresta da Tijuca. 
Fonte: Prefeitura do Rio

0 comentários

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.