Funeral de Michael Jackson será na terça-feira

Ingressos já estão sendo distribuídos
 

O funeral público do cantor Michael Jackson será realizado na próxima terça-feira (07/07) no ginásio Staples Center, informou a empresa Sunshine, Sachs & Associates, contratada pela família do astro como porta-voz oficial.
Segundo o comunicado divulgado ontem, 11 mil entradas gratuitas serão distribuídas aos fãs. O velório terá início às 10h (horário local, 14h de Brasília). Os detalhes da cerimônia serão divulgados ainda hoje em uma coletiva de imprensa.
 
Último ensaio

A produtora AEG Live, responsável pela temporada de shows que Michael Jackson faria na O2 Arena, em Londres, a partir do dia 13 de julho, divulgou ontem um vídeo com cenas dos ensaios do rei do pop para a turnê ‘This is it’.
O material tem cerca de um minuto de duração e contém cenas do ensaio feito em 23 de junho, dois dias antes da morte do astro. Nas filmagens, Michael aparece dançando e cantando a música ‘They don`t care about us’, cujo clipe foi gravado no Brasil em fevereiro de 1996 com o grupo Olodum.
O ensaio aconteceu no Staples Center, mesmo local que receberá seu funeral público.

Fundo holandês

A morte do Rei do Pop na semana passada gerou uma forte procura por suas músicas, que são em parte detidas pelo fundo de pensão estatal ABP, o terceiro maior do mundo, atrás apenas dos fundos do Japão e da Noruega.
— Sempre existem algumas músicas que por qualquer razão, neste caso trágica, de repente se tornam bastante populares. O último acontecimento é uma base para o investimento — disse o porta-voz da ABP.
A ABP comprou dois catálogos musicais no ano passado, incluindo os direitos de algumas músicas de Michael Jackson, como ‘You Are Not Alone’, segundo o site da Imagem Music Group, que gerencia os ativos para a ABP.
O porta-voz da ABP preferiu não dizer o lucro que o fundo espera levantar com as músicas de Michael Jackson, mas, no ano passado, a ABP divulgou que esperava que se portfólio total de direitos de músicas trouxesse retorno anual pouco acima de 8%.
A iTunes, maior varejista de músicas dos Estados Unidos e que é controlada pela Apple, divulgou na semana passada que os álbuns de Michael Jackson estavam entre os nove mais vendidos, liderados por uma seleção de hits e o megassucesso ‘Thriller’ de 1982.
Um dia após a morte do cantor, a varejista online Amazon.com vendeu mais produtos ligados a ele que nos últimos 11 anos, informou um porta-voz da Amazon na semana passada.

 

Fonte: Da redação

0 comentários

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.