Guardas são agredidos por ambulantes em Bangu

Guardas são agredidos por ambulantes em Bangu
 
Durante operação de controle urbano na Rua Silva Cardoso, em Bangu, três guardas da 5ª Inspetoria (Bangu) foram agredidos com um bastão de madeira, barras de ferro e pedras portuguesas por um grupo de cerca de 20 ambulantes. O fato aconteceu por volta das 16h desta quarta-feira, quando a equipe da 5ª IGM (formada por oito GMs) avistou diversas mercadorias irregulares (óculos de sol, óculos de grau, relógios, capas de celular, carregadores e bijuterias) sendo comercializadas numa banca de jornal na Rua Silva Cardoso, esquina com a Av. Santa Cruz, em Bangu. Além de agredirem os guardas, os ambulantes ainda quebraram os vidros, arrancaram a porta e amassaram a lataria da viatura da GM-Rio.
 
O dono da banca (ainda não identificado) se recusou a entregar o material, desacatou os guardas e incitou os ambulantes da região a agredir a equipe. Apesar das agressões os guardas conseguiram apreender parte da mercadoria e prender o dono da banca de jornal.
 
O guarda municipal Carlos Henrique de Lima, com suspeita de luxação na clavícula, está passando por exames no Hospital Estadual Albert Schweitzer. Já o subinspetor Giovane Ramos e o guarda municipal Ronaldo Paulino, com hematomas e escoriações, foram atendidos na UPA de Bangu, assim como o dono da banca de jornal, que sofreu um corte na cabeça durante a tentativa dos guardas o conduzirem para a viatura. O caso foi registrado na 34ªDP (Bangu).
 

Fonte: Prefeitura do Rio

0 comentários

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.