Inaugurada agências reformadas do INSS no Maranhão

Recuperação das unidades visa à melhorar os serviços
 

O ministro da Previdência Social, José Pimentel, disse no Maranhão, que o processo de recuperação da rede de atendimento do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) integra o conjunto de medidas, em execução, que visa à melhoria do atendimento ao segurado. Ele lembrou que, além das obras de reforma e ampliação das unidades já existentes, também está em curso o Plano de Expansão da Rede de Atendimento (PEX), com a construção, até 2010, de 720 novas Agências da Previdência Social em todo o país.

Como exemplo, o ministro citou as obras de reforma e ampliação das agências dos municípios de Codó e São José de Ribamar, inauguradas nessa sexta-feira (10). Ele ressaltou que até o final do mês será concluída a reforma da APS de Tutóia. “São três agências totalmente modernizadas que irão proporcionar mais conforto e agilidade no atendimento aos segurados”, observou Pimentel.

O ministro também falou sobre a importância dos recursos pagos pela Previdência Social para o fortalecimento da economia local. “No mês de junho, foram pagos, no Maranhão, cerca de R$ 360 milhões em benefícios previdenciários, sendo que quase R$ 9 milhões foram em decorrência de benefícios mantidos pela APS de São José do Ribamar”, frisou ele.

Modernidade – As duas APS passaram por um amplo processo de reforma para se adequar ao novo modelo de eficiência e modernidade que vem sendo executado em toda a rede de atendimento do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS). A área construída da agência de Codó passou de 400m² para 650m², expansão que permitiu uma melhoria nos espaços reservados ao atendimento e à perícia. O número de guichês passou de dez para 20 e também foram instaladas quatro salas de perícia. Antes, a APS contava com apenas uma sala.

Na unidade de Codó poderão ser atendidos, diariamente, cerca de 100 segurados, moradores, não apenas do município, como também das cidades vizinhas de Capinzal do Norte e Timbiras. Trabalham na agência 10 servidores administrativos e quatro peritos médicos que podem realizar 1.008 perícias por mês. A APS é responsável pela manutenção de 23.821 benefícios mensais, no valor de R$ 10,4 milhões.

São José de Ribamar – A área construída da APS dobrou em relação às instalações anteriores, passando de 200m² para 410m². A ampliação possibilitou um aumento no número de guichês de atendimento, que, de dez, foi ampliado para 22. Já a Perícia, que antes só contava com uma sala, tem agora três. A APS tem capacidade para atender a cerca de 70 segurados por dia, moradores dos municípios de Paço do Lumiar, Primeira Cruz, Santo Amaro, Humberto de Campos, Icatu, além de São José de Ribamar.

Para prestar um atendimento eficiente, a agência conta com 16 servidores administrativos e três peritos médicos que poderão realizar cerca de 1.500 perícias por mês. A unidade é responsável pela manutenção de 19.701 benefícios no valor de R$ 8,9 milhões. O atendimento ao público nas duas APS é das 7h30 às 17h30. Os dois prédios ganharam mobiliário novo, equipamentos de informática, dispositivos de segurança, acessibilidade para pessoas portadoras de deficiência e sinalização interna para orientar o cidadão.

Novas Agências – No Maranhão, o número de Agências da Previdência Social irá triplicar com a construção de 59 novas unidades previstas no Plano de Expansão da Rede de Atendimento. Atualmente, existem no estado 25 APS, mas com a expansão serão 84 unidades. O estado também irá receber mais 13 obras de melhoria e de recuperação da rede de agências já existentes. Os investimentos no Maranhão somam R$ 57,1 milhões.

Até 2010, serão construídas em todo o país 720 novas unidades de atendimento do INSS em municípios com mais de 20 mil habitantes. Com o PEX, a rede fixa passará de 1.110 para 1.830 agências em todo o país, marcando a presença da Previdência Social em 1.670 cidades brasileiras.

 

Fonte: INSS

0 comentários

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.