Lula critica políticas voltadas à educação

Presidente falou das medidas adotadas por governos anteriores
 
O presidente da República, Luiz Inácio Lula da Silva, fez criticas indiretas a políticas voltadas à educação adotadas por governos anteriores ao seu e também a forma como o estado de São Paulo, administrado nos últimos 16 anos pelo PSDB, atua na área. “O fato de o ProUni [Programa Universidade para Todos] ter nesse momento mais alunos do que todo sistema de ensino publico universitário de São Paulo demonstra que a elite paulista, que governou esse estado, nunca se importou em colocar os pobres para fazer universidade”, declarou.
Segundo o presidente, apesar de São Paulo ser o estado mais rico do país e de ter uma das melhores universidades do Brasil, que é a USP, deixa a desejar em relação ao número de alunos matriculados no ensino público superior. “São Paulo tem ensino de qualidade, mas o que não se explica é você ter ensino de qualidade em São Paulo e você só tenha, em um Estado que completou quase 500 anos, 96 mil alunos estudando em universidade pública do estado”, afirmou. 
Lula informou que até este ano 704 mil jovens foram atendidos pelo ProUni. “Nós, os mortais desse país, que sempre fomos tratados como pessoas de segunda categoria, agora temos o direito, não de ser pedreiro, ou ajudante de pedreiro. Nós queremos ser engenheiros, médicos e professores. E essa oportunidade não pode ser privilégio, tem de atender a todo mundo”, ressaltou o presidente, durante a inauguração oficial do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de São Paulo, no município de Suzano, na Grande São Paulo. "Nós, em oito anos, vamos passar para a história como o governo que mais construiu universidades no país", acrescentou.
O campus Suzano do Instituto Federal de Educação está localizado na região metropolitana de São Paulo, cerca de 42 quilômetros da capital paulista. A região é um dos principais polos industriais da região do Alto Tietê, com 327 empresas de pequeno, médio e grande porte.
A instituição oferece no momento dois cursos técnicos, em automação industrial e comércio. Já estão matriculados no campus 160 alunos. A previsão é alcançar 600 matrículas até 2012. O investimento realizado no campus Suzano foi, até agora, de R$ 4,9 milhões.

Fonte: Agência Brasil

0 comentários

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.