Moradores protestam contra acidente em Bangu

seis mortos
 

Uma semana depois do acidente que terminou com a morte de seis pessoas atropeladas em Bangu, na Zona Oeste do Rio, moradores realizaram um protesto ontem (04/07). Eles pedem punição para o motorista do carro, que pagou fiança de R$ 1.200 e está solto, e também querem maior fiscalização no trânsito e sinalização na região.
De acordo com moradores do bairro, um carro invadiu o local em alta velocidade, atropelou sete pessoas, bateu em outro veículo e, em seguida, derrubou um poste. O acidente foi durante uma festa junina na esquina da Avenida Santa Cruz com a Rua Tibagi. Entre as vítimas estão duas pessoas de uma mesma família – avô e neto – além de um bebê de nove meses.
Segundo os moradores, mais de cem pessoas se reuniram no centro de Bangu, vestindo camisetas com os nomes das vítimas. O protesto começo na Praça da Beira-Rio e os manifestantes caminharam até o local do acidente, com carro de som e faixas, e depois seguiram para a Praça da Fé, em frente à Igreja Santa Cecília, no centro de Bangu.
Segundo a polícia, a lei prevê que o motorista do carro responda em liberdade por lesão corporal e homicídio culposo, quando não há intenção de matar.
Fonte: Da redação

0 comentários

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.