PLANTÃO BARRA: Polo de Audiovisual da Barra da Tijuca será revitalizado

Área construída será ampliada de 7.400 m² para 25.000 m²
 

O Polo de Audiovisual do Rio de Janeiro, na Barra da Tijuca, Zona Oeste do Rio, será revitalizado e ampliado nos próximos 3 anos pela Prefeitura, em parceria com uma empresa privada que será escolhida por meio de uma licitação internacional a ser lançada ainda em junho.

 

 

O investimento previsto é de R$ 100 milhões, e será realizado pelo vencedor da licitação que em troca terá o direito de exploração comercial da área por 30 anos. Há atualmente oito estúdios no local, com 7.400 m² de área construída, mas apenas cinco funcionam regularmente.

 

A área construída total será de 25.000 m² e cerca de 40% desse espaço será ocupado por 14 estúdios. Os já existentes serão reformados e mais seis serão construídos, além de novos escritórios, espaços ligados à produção e ao pós-produção, e locais para aluguel de equipamentos e outros serviços. As obras deverão ser concluídas até julho de 2016.

 

Segundo Sérgio Sá Leitão, diretor-presidente da RioFilme e Secretário Municipal de Cultura, a cidade passa por um bom momento de visibilidade mundial e faltava um local apropriado para dar suporte à produções nacionais e com tecnologia de ponta.  “O Rio vai ganhar o maior e mais moderno complexo de estúdios da América Latina, com padrão de qualidade internacional. Além disso, a produção de cinema e TV vivem um boom. Os estúdios existentes não dão conta da forte demanda existente hoje.”

 

O consórcio vencedor da licitação terá de ter tudo pronto até junho de 2016, a tempo do início das olímpiadas, já que 0s novos estúdios poderão ser utilizados também durante os Jogos Olímpicos do Rio de Janeiro.

 

Redação com fontes

0 comentários