PLANTÃO BARRA: Moradores denunciam despejo ilegal de lixo no Itanhangá

O acúmulo de detritos atrai ratos, gambás, cobras e outros bichos
 

 

Um terreno baldio que virou um depósito irregular de lixo na Estrada do Itanhangá, na Barra da Tijuca, na Zona Oeste do Rio tira o sono dos moradores da região.  Apesar do local ter uma placa  que informa sobre a proibição de jogar lixo, próximo ao número 512, da Estrada do Itanhangá, muitos insistem em transformar o local numa lixeira a céu aberto. 

 

 

 

O morador que tirou esta foto reclamou com os veículos de comunicação que falta fiscalização no local para coibir a falta de educação:  “A prefeitura não soluciona o problema. Seria viável colocar um fiscal da guarda multando pessoas que jogassem lixo nos locais proibidos.

 

 

 

De acordo com a Comlurb apesar da reclamação dos moradores do acúmulo de lixo no local, o mesmo é removido diariamente. O órgão ainda afirma que irá intensificar a fiscalização para identificar o infrator e notificá-lo.  E, que não há necessidade dos moradores usarem o local como lixeira, pois a coleta domiciliar é realizada diariamente, de segunda a domingo, no turno da manhã. 

 

 

REDAÇÃO COM FONTES

0 comentários