Hugo Bonemer dá vida a Ayrton Senna no teatro

'Ayrton Senna, o musical', estreia dia 10 de novembro, no Teatro Riachuelo Rio
 

Por Graça Paes, RJ

 

IMG_1332

 

Na terça-feira, dia 7 de novembro, a equipe do espetáculo “Ayrton Senna, o musical” reuniu a imprensa para uma coletiva sobre a produção que estreia na sexta-feira, dia 10 de novembro, no Rio de Janeiro. Dirigido por Renato Rocha, o espetáculo tem suas canções originais e roteiro assinados por Claudio Lins e Cristiano Gualda. Já a produção fica por conta da Aventura Entretenimento.

 

IMG_1317

 

Hugo Bonemer, que já fez ‘Malhação’, ‘A Lei do Amor’, “Hair, o musical” e “Rock in Rio, o Musical”, foi o ator escolhido, entre 800 testes, para interpretar Ayrton Senna. O rapaz afirma que não tem muitas recordações do triste 1º de maio de 1994, pois quando o astro da Fórmula 1 morreu, ele tinha apenas seis anos. O que ele guarda desta data é a imagem do pai e do irmão chorando muito. Vinte três anos depois, o ator se vê com a missão de subir no palco e interpretar um dos maiores ídolos brasileiros. 

 

IMG_1297

 

Bonemer encara como uma tarefa árdua interpretar Senna já que é a primeira vez que o tricampeão mundial de Fórmula 1 será representado na ficção. “Foi a audição mais difícil que já fiz. Além da pressão do personagem, o teste foi com uma música composta para o espetáculo”, comentou Hugo. “Eu buscava um ator que me emocionasse e o Hugo me emocionou com o olhar. Me lembrou o olhar do Senna pelo capacete”, disse Renato Rocha, diretor da montagem. “Ayrton Senna, o musical” traz ainda nomes de peso na equipe criativa, como Gringo Cardia no cenário e direção de arte, Dudu Bertholini assina os figurinos, a direção musical é de Felipe Habib, criação sonora de Daniel Castanheira, coreografia de Lavínia Bizzotton e visagismo de Anderson Montes.

 

IMG_1282

 

O elenco conta com 24 artistas, além do protagonista Hugo Bonemer, que interpretará Ayrton Senna, estão Victor Maia, João Vitor Silva, Leonardo Senna e Lana Rhodes. Leonardo e Lana farão os pais do piloto. Mas, vale lembrar que o espetáculo é uma homenagem a Ayrton e não uma história biográfica. Dentro da ficção, os personagens de  Victor Maia e João Vitor Silva vivem respectivamente “o engenheiro” e Beco. O restante do elenco se alterna entre diversos papéis, com exceção das crianças, que farão um personagem chamado Wandson. 

 

IMG_1307

 

O diretor Renato Rocha contou que todos os detalhes do que veremos em cena foram idealizados de forma especial e junto com toda equipe. “Não tem como fazer um espetáculo sobre o Senna sem velocidade, sons e luzes. Teremos muitos números aéreos e pendulares. O espetáculo vai passear pelas grandes vitórias do piloto nas pistas, buscando conduzir a plateia por essas lembranças. Apesar de também ser um momento que ficou cravado na memória do público, o dia do acidente, que não terá uma cena específica”, conta ele.

 

IMG_1313

 

A história de Ayrton Senna chega ao Teatro Riachuelo Rio, na sexta, dia 10 de novembro, e promete levar aos palcos a essência do piloto não só como o grande campeão da Fórmula 1, mas como verdadeiro ídolo nacional. A temporada segue até 4 de fevereiro de 2018, com apresentações de quinta a domingo. Ingressos entre R$ 25 e R$ 150.

 

 IMG_1251

 

O espetáculo chega em São Paulo em março de 2018.

 

 

Fotos de Graça Paes/Zapp News

0 comentários