Abertas as inscrições para o XXVII Prêmio Jovem Cientista

Nesta edição, a iniciativa convoca os jovens a encontrar soluções para os desafios da gestão dos recursos hídricos
 

Estão abertas, até 30 de agosto, as inscrições para o XXVII Prêmio Jovem Cientista. Estudantes do ensino médio, estudantes do ensino superior, mestres e doutores de todo o país podem concorrer. As inscrições devem ser feitas pelo site www.jovemcientista.cnpq.br. Alunos do ensino médio têm também a opção de enviar suas pesquisas pelos Correios.

Nesta edição, a iniciativa convoca os jovens a encontrar soluções para os desafios da gestão dos recursos hídricos. A superfície da Terra é coberta por 1,4 bilhão de quilômetros cúbicos de água. Sua roupagem azul, que tanto encantou o astronauta Yuri Gagarin, pode nos fazer acreditar que a água nunca faltará ao homem. Já se sabe, entretanto, que apenas 0,003% desse volume pode ser aproveitado para saciar a sede, fazer a higiene e irrigar a agricultura. E essa pequena quantia é ainda ameaçada pelo desperdício e a poluição. Muitos são os problemas, mas muitas são também as formas de resolvê-los. Pensando nisso, o Prêmio Jovem Cientista aborda em 2013 o tema “Água: desafios da sociedade”.

Estudantes do ensino superior, mestres e doutores poderão inscrever trabalhos relacionados a uma das seguintes linhas de pesquisa:

  • Gestão inovadora dos recursos hídricos aplicada ao uso do solo e à gestão ambiental;
  • Tecnologias inovadoras para despoluição de bacias hidrográficas e sua integração com as dos sistemas estuários e zonas costeiras;
  •  Ecotecnologias no tratamento de águas residuárias, industriais e urbanas, esgotos domésticos, águas pluviais e despoluição;
  •  Uso racional e eficiente da água: gerenciamento, aproveitamento e reúso;
  • Uso de tecnologias de sensoriamento remoto na avaliação dos recursos hídricos;
  • Uso da água e da energia e aplicação de tecnologias inovadoras que promovam sua sustentabilidade;
  • Contaminantes emergentes (disruptores endócrinos, fármacos, resíduos orgânicos): detecção e remoção em sistemas de abastecimento de água;
  • Uso de membranas no tratamento da água;
  • Causas e consequências de florações de cianobactérias em mananciais de abastecimento de água;
  • Gerenciamento da água no meio urbano: novas tecnologias para minimizar alagamentos;
  • Eventos hidrológicos extremos e sistemas de alerta;
  • Impactos de mudanças climáticas nos recursos hídricos.

Estudantes do ensino médio podem inscrever trabalhos relacionados aos seguintes temas:

  • Gestão de bacias hidrográficas;
  • Tratamento e reúso da água;
  • Água e saúde pública;
  • Uso da água para geração de energia;
  • Tecnologias para dessalinização da água.

KIT PEDAGÓGICO – A equipe do XXVII Prêmio Jovem Cientista propõe um kit pedagógico voltado aos professores do Ensino Médio que desejarem discutir o tema “Água” com seus alunos. O kit contém: um Caderno do Professor, com conteúdo, ilustrações e exemplos relacionados às linhas de pesquisa sugeridas; um Caderno com seis Planos de Aula; e 12 Fichas de Atividades para dar ideias de pesquisas aos estudantes. O material é distribuído gratuitamente às escolas e aos professores interessados e também estará disponível para download no site www.jovemcientista.cnpq.br.

OFICINAS – Este ano, o Prêmio realizará Oficinas de Projetos Científicos para estudantes do Ensino Médio em nove capitais: Belém, Campo Grande, Curitiba, Manaus, Porto Alegre, Recife, Rio de Janeiro, Salvador e São Paulo, além do Distrito Federal. As oficinas, com duração de quatro horas, têm por objetivo orientar os interessados em participar do Prêmio. Cada escola participante poderá indicar de cinco a dez estudantes e um professor. As Oficinas ocorrerão em maio e junho e as chamadas serão feitas pelo Facebook: www.facebook.com/premiojovemcientista

SBPC E VISITAS TÉCNICAS – O CNPq realizará lançamentos do Prêmio nas cinco regiões do país – notadamente no Nordeste, por ocasião da 65ª Reunião Anual da Sociedade Brasileira para o Progresso da Ciência (SBPC) na Universidade Federal de Pernambuco (UFPE). Além disso, vai promover, a partir de maio, visitas de divulgação a universidades e Fundações de Amparo à Pesquisa, com a participação de gestores estaduais de Ciência, Tecnologia, Inovação, Meio Ambiente, Educação e Recursos Hídricos.

0 comentários

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.