MTV demite funcionários e passa a exibir reprises e programas já gravados

Programa 'A hora do Chay' já deixou de ser produzido
 

O futuro da MTV ainda não é certo, pelo menos para grande parte das pessoas que acompanham a trajetória do canal no Brasil. Embora haja incertezas, alguns VJs já foram dispensados e a informação é que a programação siga com reprises e conteúdo gravado. Ao Comunique-se, fontes afirmaram que nesta segunda-feira, 17, novos cortes serão feitos.

 

 

 

Na tarde de quinta-feira, 13, a VJ Titi Muller confirmou sua saída da MTV. Ela ficou na emissora por seis anos. “É um lugar que amo demais. Ainda não sabemos o que vai acontecer, já que nosso contrato vai até dezembro. Estamos na geladeira. Muito triste ver o prédio vazio”, disse ao jornal. Titi foi dispensada junto com os colegas Chay Suede e Juliano Enrico.

 

 

 

Fontes afirmaram ao Comunique-se que aproximadamente 30% da equipe seja demitida na próxima semana. A Abril deve mesmo abrir mão da MTV. Então, até a troca de comando, ficará apenas o mínimo de pessoas de departamentos essenciais para o funcionamento do canal.

 

 

 

As demissões devem acontecer por um motivo simples: não haverá mais produção de conteúdo. De acordo com matéria do Na Telinha, a Abril continuará tendo uma emissora de televisão, que será lançado em setembro na frequência que atualmente é usada pela MTV. A marca da Viacom, por sua vez, deve ganhar espaço na TV fechada.

 

 

Em contato com a Abril, a empresa disse que não vai comentar o caso.

0 comentários

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.