Projeto São Francisco: autorizados mais de R$ 790 milhões em serviços

O Ministério da Integração Nacional assinou três novas ordens de serviço para obras do empreendimento. Com a ação, mais de mil postos de trabalhos serão criados
 

Neste mês de agosto, o Ministério da Integração Nacional assinou três novas ordens de serviço para o Projeto de Integração do Rio São Francisco, autorizando a aplicação de mais de R$ 790 milhões no empreendimento. Do total, R$ 347,9 milhões serão destinados para a construção de canais, estações de bombeamento, reservatórios e pontes no Eixo Leste (Meta 1L e 2L). Os outros R$ 442,7 milhões serão investidos nas construções de novos reservatórios no Eixo Norte (Meta 2N).

 

 

A aplicação dos recursos criará mais de mil postos de trabalhos. As contrações vão intensificar as atividades nas obras que passam ao longo do município de Jati, no Ceará, e das cidades pernambucanas de Betânia, Custódia, Floresta, Petrolândia e Sertânia. Ao todo, já são dez ordens de serviços emitidas para o Projeto neste semestre.

 

 

Com mais de 1.800 equipamentos em operação, o número de trabalhadores empregados pelo Projeto ultrapassou os seis mil. A maior obra de infraestrutura hídrica do país também conta com atividades 24 horas por dia em quatro trechos: Jati (CE), Salgueiro (PE), Cabrobó (PE) e em São José de Piranhas (PB).

 

 

Andamento das obras – Dos 16 lotes de obras que compõem a construção do empreendimento, dois já estão concluídos: o Canal de Aproximação dos eixos Norte e Leste.

 

 

Outros 12 ainda estão em atividades: Lote 1, em Cabrobó (PE); 2,3 e 8, em Salgueiro (PE); Lote 4, em Verdejante (PE); Lote 5, em Jati (CE); Lotes 9 e 13, em Floresta (PE); Lote 10, em Custódia (PE); Lote 11 e 12 (em fase de conclusão), em Custódia (PE) e em Sertânia (PE); e Lote 14, em São José de Piranhas (PB).

 

 

Os serviços do Lote 6, em Mauriti (CE); e do Lote 7, em São José de Piranhas (PB), serão retomados com a conclusão do processo licitatório da Meta 3N, que já está em curso. A complementação do Lote 12 – saldos remanescentes de obras do contrato em andamento – será realizada pelas empresas ganhadoras do processo licitatório da Meta 3L, em fase de conclusão.

 

 

O Projeto – O Projeto de Integração do Rio São Francisco faz parte do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC) do governo federal. Com conclusão prevista até 2015, o empreendimento vai garantir a segurança hídrica de mais de 390 municípios, localizados nos estados de Pernambuco, Ceará, Paraíba e Rio Grande do Norte.

 

 

Ministério da Integração Nacional  –  Assessoria de Comunicação Social

0 comentários

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.