Cartinhas para o Papai Noel dos Correios já podem ser adotadas

Os presentes relativos às cartas adotadas são entregues pelos padrinhos nos pontos divulgados pelos Correios
 

papai-noel-dos-correiosMilhares de cartas enviadas por crianças ao Papai Noel estão à espera de interessados em adotá-las em todo Brasil (com exceção de Espírito Santo, Paraíba e Rio Grande do Sul, que ainda não deram início ao período de adoção de cartinhas). A expectativa da empresa para este ano é aumentar o número de padrinhos — responsáveis por adotar as cartinhas e atender aos pedidos das crianças. No ano passado, a campanha Papai Noel dos Correios reuniu quase 500 mil padrinhos, que ajudaram a realizar o sonho de meninos e meninas de todo o País.

 

 

O apadrinhamento é feito da mesma maneira em todos os locais: as cartas enviadas pelas crianças são lidas e selecionadas nos Correios. Em seguida, são disponibilizadas para adoção na casa do Papai Noel ou em outras unidades da ECT participantes da campanha. Os presentes relativos às cartas adotadas são entregues pelos padrinhos nos pontos divulgados pelos Correios, que realizam a entrega para as crianças. Não é permitida a entrega direta do presente e, para assegurar a observância desse critério, o endereço da criança não é informado. Os Correios não entregam cartas para adoção diretamente à população, em suas residências. As cartas do Papai Noel dos Correios ficam disponíveis apenas nos locais indicados pela empresa.

 

 

As datas da campanha, que podem variar em cada Estado, e as demais informações oficiais sobre o Papai Noel dos Correios podem ser obtidas na página http://www.correios.com.br/papainoelcorreios2013 ou pelos telefones 3003 0100 (capitais e regiões metropolitanas) e 0800 725 7282 (demais localidades).

 

Correios

0 comentários