Copa: Estudos mostram desejo do turista de voltar ao Brasil

As últimas três grandes análises do Ministério do Turismo revelam que turistas que visitaram o Brasil ficaram satisfeito com a estada e pretendem retornar ao país
 

O nível de satisfação e o desejo de voltar ao país para passar as férias, participar de rodadas de negócios ou grandes eventos, como a Jornada Mundial da Juventude e a Copa das Confederações, registraram percentuais parecidos e acima da média, de acordo com o Departamento de Estudos e Pesquisas do Ministério do Turismo (MTur).

 

 

Entre os peregrinos que vieram de outros países para a Jornada Mundial da Juventude (JMJ), a maioria (92,1%) afirmou que pretende voltar ao país. O estudo foi feito pelo MTur e Instituto Alberto Luiz Coimbra de Pós-Graduação e Pesquisa de Engenharia (Coppe-UFRJ). Cerca de 212 mil estrangeiros estiveram no Brasil para a JMJ.

 

Entre os estrangeiros que visitaram o Brasil para a Copa das Confederações, a intenção de retorno foi semelhante: 84,5% dos entrevistados disseram que a viagem atendeu plenamente ou superou as expectativas, de modo que 95,7% afirmou que pretende voltar ao país, segundo pesquisa do MTur em parceria com a Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas (FIPE).

 

“Temos muito a evoluir, mas os dados mostram que estamos no caminho, que o turista estrangeiro tem tido boas experiências em nosso país”, diz o ministro do Turismo, Gastão Vieira. “Para a Copa do mundo, a expectativa também é positiva”, disse. São aguardados 600 mil turistas estrangeiros entre junho e julho no país, período da Copa do Mundo.

 

O último levantamento sobre Demanda Turística Internacional, de 2012, do MTur, mostra que a intenção de retorno dos estrangeiros que visitaram o país foi de 95,7%. Eles avaliaram bem a hospitalidade (97,7%), a gastronomia local (95,5%) e os meios de hospedagem (93,2%). A pesquisa foi feita em parceria com a FIPE.

 

 

 

0 comentários