Vert Hotéis anuncia o lançamento do Ramada Encore Botucatu

Investimentos na bandeira Ramada Encore no interior de São Paulo somam mais de R$ 300 milhões
 

O plano de desenvolvimento da bandeira Ramada no Brasil e, especialmente, no interior de São Paulo segue a todo o vapor. A Vert Hotéis anuncia, em parceria com a Construtora Resiplan, a chegada do Ramada Encore Botucatu que terá 100 apartamentos e investimentos no valor de R$32 milhões com previsão de inauguração em 2016.

 

Ramada-Botucatu-1O Hotel faz parte do Polo Cosmopolitan Vital Brasil, uma categoria de empreendimento que integra hotel, apartamentos studio, shopping e business no corredor de maior desenvolvimento da cidade, a avenida Vital Brasil. Estima-se que só com a obra sejam gerados cerca de 1.800 empregos diretos e indiretos. Com o empreendimento em funcionamento serão mais de 490 empregos diretos e 1.900 indiretos.

 

“Essa união de hotel, residencial com serviços, salas comerciais e shopping, propicia que a sinergia entre os segmentos gere altas taxas de ocupação e circulação de pessoas, o que é revertido em dinamismo para os empreendedores e facilidade para o público”, explica o Henrique Alfredo Bokermann Guerra, gerente Administrativo e Comercial da Resiplan.

 

 

Segundo o diretor de Operações da Vert Hotéis, Amílcar Mielmiczuk, Botucatu tem hoje uma economia em crescimento e desenvolvimento social, sediando importantes indústrias, unidades de ensino superior com destaque no país e no mundo, vida acadêmica dinâmica e intensa, além de localização estratégica dentro do Estado de São Paulo. Contudo, a cidade é ainda carente em lançamentos hoteleiros. “Botucatu é a porta de entrada da região central e oeste do Estado de São Paulo e, ao mesmo tempo, muito próxima à capital. O Ramada Botucatu representa hoje um grande investimento, acessível a todos e com grande potencial de valorização”, avalia.

 

 

O Ramada Encore é uma das marcas do grupo Wyndham, a maior cadeia de hotéis do mundo com mais de 7.400 hotéis em 66 países, que oferece serviços integrados no lobby, conectados aos diversos ambientes e promove a praticidade para atender os hóspedes, participantes de eventos e clientes do restaurante/bar.

 

Para a CEO da Vert Hotéis, Érica Drumond, na projeção do crescimento do mercado hoteleiro, a categoria econômica merece destaque por ser muito mais rentável e atender a um público diversificado. “As perspectivas são as melhores possíveis. Temos ainda um amplo mercado de atuação que tende a crescer ainda mais”, acrescenta.

Outros investimentos

A bandeira Ramada Encore também chega a outras cidades secundárias do interior de São Paulo destacando o importante papel das mesmas para o desenvolvimento da hotelaria no Brasil. Ao todo, serão mais seis empreendimentos econômicos nas cidades de Cruzeiro, Fernandópolis, Limeira, Osasco e São José Rio Preto e Tatuí, totalizando R$ 326,8 milhões.

 

“Estamos investindo em cidades secundárias e terciárias, focados no mercado econômico, que ainda é dominado por hotéis independentes. Se o foco do nosso mercado são as novas demandas de consumo, temos que construir hotéis com diárias também competitivas e com serviços de qualidade. O orçamento da nossa população ainda é limitado e também queremos atender um público corporativo em destinos com crescimento econômico acima do PIB (Produto Interno Bruto)”, destaca o diretor de Desenvolvimento da Vert Hotéis, Amílcar Mielmiczuck.

 

Além da chegada da bandeira econômica, este ano já foi inaugurado o Ramada Hotel e Suítes Americana, por meio de uma conversão, que receberá investimentos estimados nos próximos três anos de aproximadamente R$ 3,5 milhões. Ainda estão previstos um Ramada Hotel e Suítes em São José do Rio Preto com investimentos de R$68,8 e um hotel de marca própria da Vert Hotéis, em Ilha Belo, o Sentido Ilha Bela com investimentos no valor de R$12,6 milhões.

 

Assessoria

0 comentários