Copa: Aracaju apresenta forró à seleção grega

A capital sergipana se prepara para concentrar a seleção grega durante o mundial. O período é agitado pelos festejos juninos típicos em todo o estado
 

Gregos no forró, é isso o que promete a capital sergipana, escolhida pela Seleção da Grécia como sede para o seu Centro de Treinamentos durante o a Copa do Mundo. Junho é também mês de agitação por todo o Nordeste brasileiro, com as famosas Festas de São João.

 

 

A vinda da seleção grega será uma oportunidade para divulgar as belezas e a cultura do estado. De acordo com o secretário de Turismo de Sergipe, Elber Batalha Filho, cerca de 60 mil turistas vão circular pelo estado.

 

O técnico português, Fernando Santos, que dirige a Seleção da Grécia disse que a opção por Aracaju foi motivada pelo fato de a cidade ter clima semelhante às cidades em que sua equipe vai jogar, como Natal e Fortaleza. Disse ainda que os gregos, assim como os brasileiros, são festeiros.

 

Várias cidades do estado realizam festejos juninos com forró, como Capela, que fica a pouco mais de 65 km de Aracaju. A comemoração começa no dia 31 de maio, quando um grupo de pessoas acompanhadas de zabumbas, um tipo de tambor, e bacamarteiros, portando uma arma de fogo de cano curto e largo, saem pelas ruas cantando de porta em porta e arrecadando prêmios para a tradicional Festa do Mastro.

 

Já em Estância, a 70 km da capital, acontece a tradicional guerra de fogos realizada em uma arena projetada para a segurança dos expectadores, e ainda a corrida de barcos de fogo, pequenas embarcações penduradas em arames que possuem diversos enfeites e rojões amarrados. Em Areia Branca, a 36 km de Aracaju, acontece o São João de Paz e Amor. Lá é proibida a queima de fogos, mas a Praça do Forró, com mais de 20 mil metros quadrados, tem espaço para os turistas dançarem ao som de trios pé-de-serra, músicos e bandas.

 

A capital Aracaju recebe ainda turistas e festeiros em uma vila cenográfica montada na Orla da Praia da Atalaia, chamada Arraiá do Povo, com forró e uma extensa agenda cultural que inclui a apresentação de grupos de pífanos, samba de coco, trios pé-de-serra e quadrilhas juninas. Completando a festa, acontece ainda o Forró Caju, que mistura a tradição dos trios pé-de-serra à inovação do forró eletrônico, com a presença de artistas do cenário nacional. Na Praça de Eventos Hilton Lopes é montada uma estrutura de bares, camarotes e um grande palco, com atrações regionais e nacionais.

 

Ministério do Turismo

0 comentários