Coletiva do “Agora é Tarde” é marcada por irreverência de Rafinha Bastos e sua equipe

Com estreia prevista para o próximo dia 5 de março, à meia-noite, a atração terá como principais concorrentes o já tradicional "Programa do Jô", da Rede Globo, e o “The Noite”, apresentado por Gentili no SBT.
 

O clima de descontração deu o tom da coletiva do programa “Agora é Tarde”, na manhã desta terça-feira (25/02), na sede do grupo Bandeirante, em São Paulo. Durante o evento, o novo apresentador da atração, Rafinha Bastos, respondeu às perguntas da imprensa ao lado dos humoristas Gustavo Mendes, Marcelo Mansfield e Marco Gonçalves, e do músico André Abujamra.

 

 
Famoso por interpretar a presidente Dilma Rousseff em esquetes na internet e também no programa “Zorra Total”, da TV Globo, Gustavo Mendes preparou um pronunciamento especial anunciando a nova fase do “Agora É Tarde”. No vídeo exibido no começo da coletiva, Mendes apareceu travestido da governante, e tranquilizou os jornalistas, garantindo que Rafinha não cometeria excessos – em referência às diversas polêmicas que o humorista esteve envolvido por causa de suas piadas. 
 

“Se precisar uso essa cinta”, brincou o comediante, que interpretará também outros personagens na atração. O humorista encerrou sua participação explicando que não há piada pior que o deputado Jair Bolsonaro estar sendo cotado para a presidência da Comissão de Direitos Humanos e Minorias.

 
 
 
Crédito:Danúbia Paraizo
Rafinha Bastos e sua equipe durante coletiva do “Agora é Tarde”
 
 

Além dos repórteres da casa, estavam presentes para a cobertura jornalistas do UOL, Terra, iG, R7, Yahoo, Diário de S.Paulo, Estadão, Meio & Mensagem, entre outros. Durante a coletiva, os profissionais não pouparam Rafinha Bastos de perguntas sobre os limites de suas piadas na atração e seu envolvimento com polêmicas, como o caso da cantora Wanessa Camargo e da Associação de Pais e Amigos dos Excepcionas (APAE). 

 

“O objetivo do programa não é ficar cutucando, mas sim divertir”, disse o apresentador, destacando que por se tratar de uma atração gravada, qualquer excesso poderá ser cortado. “Eu tenho minha maneira de trabalhar, mas sem dúvida aprendi muito com tudo o que passou”.

 
 
Outro assunto que despertou curiosidade dos colegas jornalistas foram as mudanças do programa com a saída de Danilo Gentili para o SBT. “Meu envolvimento com o programa é total, tanto no processo de escolha dessa turma que está comigo, como no roteiro final. O talk show tem a minha participação efetiva não só no vídeo, mas na produção. Tenho abertura para me envolver do começo ao fim”.

 
 
Dentre os nomes de entrevistados já confirmados, Rafinha destacou a presença dos músicos Lobão e Luan Santana, aproveitando para negar que tenha recebido negativa da cantora Wanessa Camargo para participar da atração. “Ela não teve como negar porque a gente não chamou. Na nossa pesquisa de casting ninguém respondeu dizendo: ‘com o Rafinha eu não falo’. É claro que deve ter gente que eles nem foram atrás”, satirizou o comediante. 
 
 
 
 

Como trunfo, Rafinha aposta em games envolvendo o entrevistado, além de quadros que abordem notícias mais quentes da semana. Essa é a razão de nenhum programa ainda ter sido gravado. “O talk show vai se adaptar muito ao convidado. Se ele estiver mais disposto, podemos fazer um clipe, uma esquete cômica, por isso é muito cedo para dizer o que vai ser”, finalizou. 

 
 
 

0 comentários