Papa Francisco chega ao Rio dia 22 de julho

Pontífice será recebido por cerca de 600 convidados ao desembarcar na Base Aérea do Galeão
 

O papa Francisco irá desembarcar no dia 22 de julho na Base Aérea do Galeão, no Rio de Janeiro, para a Jornada Mundial da Juventude e será recebido por cerca de 600 convidados. De acordo com as informações oficias, a previsão é que ele chegue por volta das 16h.

 

Na pista será montado um palco onde Francisco irá saudar os presentes. A maioria dos convidados serão crianças. A cerimônia irá contar com a participação da presidente Dilma Rousseff, do governador do Rio Sérgio Cabral, do prefeito Eduardo Paes, do arcebispo de São Sebastião do Rio de Janeiro, dom Orani João Tempesta, do arcebispo de Aparecida e presidente da CNBB (Conferência Nacional dos Bispos do Brasil) e do cardeal Raymundo Damasceno Assis.

 

A cerimônia para dar as boas-vindas a Francisco será realizada no Palácio Guanabara, sede do Governo do Estado do Rio de Janeiro. A previsão é que o papa deixe o aeroporto no papamóvel.

 

Na agenda do papa está prevista uma visita à Aparecida na quarta-feira (24/07), ele irá de helicóptero até a cidade onde irá celebrar uma missa para os fiés. No mesmo dia fará uma visita ao Hospital São Francisco de Assis, onde irá fazer um discurso para os internos.

 

Já na quinta-feira (25/07) Francisco irá receber as chaves da cidade e abençoar as bandeiras dos Jogos Olímpicos e Paraolímpicos. Nesse mesmo dia fará uma visita à comunidade de Varginha, em Maguinhos.

 

Ainda na quinta-feira ele irá realizar a primeira atividade efetivamente ligada à Jornada Mundial da Juventude, JMJ, participará da Festa da Acolhida aos jovens que participaram da JMJ, nessa ocasião ele fará um discurso para os presentes.

 

Na sexta-feira (26/07) o papa irá receber cinco jovens presidiários e se encontrar com os organizadores e patrocinadores da JMJ. Está previsto para acontecer um almoço com jovens vindos de diferentes países. Nesse mesmo dia o pontífice irá percorrer a Via Sacra com Jovens em um palco preparado com as estações da via-sacra.

 

Na manhã de sábado (27/07) Francisco irá celebrar uma missa na Catedral do Rio que contará com a participação de bispos da JMJ, seminaristas, sacerdotes e religiosos.

 

No domingo, 28 de julho, o papa Francisco irá receber cerca de 2,5 milhões de fiés em uma missa em Guaratiba. Os participantes irão ser alojados em “ilhas” que terão capacidade para 30 mil pessoas. Cada um desses espaços será separado por ruas, cercados com gradis e contará com banheiros, atendimento médico e pontos de distribuição de água. Para garantir mais segurança, serão montados dois hospitais de campanha no local.

 

A segurança será feita com a ajuda de câmeras posicionadas nas 94 torres. Esses locais também terão seguranças durante todo o evento.

 

A fim de assegurar a tranquilidade do papa durante a sua passagem pelo país, o Rio contará com contingente de mais de 12 mil homens das Forças Armada. Além de caças F-5, jatos Super Tucanos, escudo de mísseis e bateria antiaérea que serão posicionadas em pontos estratégicos.

 

Uma preocupação dos responsáveis pela segurança do papa Francisco é o trânsito da cidade. Por esse motivo foi solicitado ao prefeito Eduardo Paes que o período de férias e feriado seja estendido. A princípio a prefeitura afirmou que iria decretar feriado nos dias 25 e 26 de julho, além de meio expediente no dia 29, porém os militares solicitaram que ele seja estendido durante toda a semana, ou seja, do dia 22 ao dia 29 de julho.

 

Com fontes

0 comentários