Russos confirmam venda de aviões militares para a Síria

Os combates na Síria se intensificam. Há informações, não confirmadas oficialmente, de uso de armas químicas por parte do governo Assad e também da oposição
 

A corporação russa de aeronaves MiG informou que serão enviados para a Síria aviões de combate MiG-29MM2. A decisão do governo russo de ajudar o presidente sírio, Bashar Al Assad, no combate à oposição ocorre no momento em que países da União Europeia suspenderam o embargo à venda de armas aos oposicionistas da Síria. Há 26 meses, o país vive em crise e a estimativa é que mais de 90 mil pessoas tenham morrido na região.

 

 

“Uma delegação síria se encontra atualmente em Moscou e são definidos os pormenores do contrato”. Ao ser perguntados sobre a quantidade de aviões que será fornecida, o diretor-geral do MiG, Serguei Korotkov, respondeu que se planeja vender “mais de dez aviões MiG-29 MM2″, um caça multifuncional da geração 4++, uma das mais modernas.

 

 

Os combates na Síria se intensificam. Há informações, não confirmadas oficialmente, de uso de armas químicas por parte do governo Assad e também da oposição. A comunidade internacional condena veementemente.

 

 

Agência Brasil com informações da agência pública de notícias de Portugal, Lusa.

0 comentários