Ministro do Equador diz que país “está analisando” pedido de asilo de Snowden

O ex-agente foi por acusado de espionagem
 

Nesta segunda-feira (24/6), o ministro de Relações Exteriores do Equador, Ricardo Patiño, anunciou que o país está “analisando” o pedido de asilo do ex-funcionário da Agência de Segurança Nacional dos Estados Unidos (NSA), Edward Snowden, responsável por vazar programas de vigilância do governo norte-americano na internet.

 

Crédito:Divulgação
 
 
De acordo com O Estado de S. Paulo, a Casa Branca também se pronunciou sobre Snowden e disse que espera cooperação da Rússia para receber de volta o delator, que está atualmente em Moscou, na Rússia. Para os EUA, o ex-agente deve voltar para território norte-americano para responder por acusação de espionagem.
 
Referindo-se ao caso, a porta-voz Caitlin Hayden, de Segurança Nacional, declarou que, “dada a nossa cooperação intensificada depois dos atentados da Maratona de Boston e nossa histórico de trabalhar com a Rússia sobre assuntos de fortalecimento da lei – incluindo a extradição de criminosos de alto nível para a Rússia sob pedido do governo russo – nós esperamos que o governo russo analise todas as opções disponíveis para expulsar Snowden de volta para os EUA para que ele enfrente a justiça pelos crimes que ele é acusado”.
 
 

0 comentários