Projeto de alunas da Faetec é apresentado nos Emirados Árabes

O Ecobebedouro foi um dos selecionados entre os 600 projetos de diversas partes do mundo, inclusive alguns brasileiros
 

A partir de uma ideia que surgiu em sala de aula, duas jovens estudantes conquistaram a representação brasileira em uma feira internacional sobre Ciência, Tecnologia e Sustentabilidade, que aconteceu em Abu Dhabi, nos Emirados Árabes, este mês. O Ecobebedouro, desenvolvido pelas alunas da Escola Técnica Estadual (ETE) Henrique Lage, unidade da Fundação de Apoio à Escola Técnica (Faetec) em Niterói, ganhou o mundo, após trabalhosos quatro anos de empenho no aperfeiçoamento do projeto.

 

 

Na realização da Expo-Science International 2013, a Faetec foi representada com o projeto das estudantes Laura Oliveira e Karine dos Santos, que cursam o Técnico em Eletrotécnica. Idealizado com foco na sustentabilidade, o equipamento utiliza a energia solar com um sistema de refrigeração de um bebedouro comum, acoplado a um sistema fotovoltaico. Uma placa de captação transforma a energia solar em energia elétrica, fazendo a refrigeração funcionar e esfriando a água.

 

 

O Ecobebedouro foi um dos selecionados entre os 600 projetos de diversas partes do mundo, inclusive alguns brasileiros. No Estado do Rio, apenas outros dois participaram da feira. O evento reuniu, entre os dias 14 e 18 deste mês, uma programação de palestras e workshops com especialistas internacionais.

 

 

“Sempre tive fascínio pela ciência. Desde pequena fico encantada com o funcionamento das coisas e como elas podem transformar vidas. Elaborar um projeto que pode ajudar a vida de um trabalhador rural ou da construção civil, que, em muitos casos, não tem o conforto de uma água fresca, dá um grande orgulho”, explicou a aluna Laura Oliveira.

 

 

O desenvolvimento do Ecobebedouro contou com o apoio da Fundação de Amparo à Pesquisa (Faperj), instituição que compõe a pasta da Secretaria de Ciência e Tecnologia junto à Faetec. O bom desempenho em apresentações ocorridas antes de Abu Dhabi já garantiu ao projeto a 2ª colocação na Feira de Ciências, Tecnologia e Inovação do Estado do Rio de Janeiro (Fecti) 2012 e o 3º lugar na Mostra Internacional de Ciência e Tecnologia (Mostratec) 2012.

 

 

“A proposta da Expo-Science não é a competição, mas sim a troca de experiências entre pessoas que têm como objetivo melhorar as condições no dia a dia da sociedade, tendo como referência a sustentabilidade”, disse Karine dos Santos, que considera esses encontros grandes incentivadores do desenvolvimento da Ciência.

 

 

Escolas reúnem projetos de sucesso

Além do Ecobebedouro, outros projetos desenvolvidos em escolas da Faetec também ganharam destaque em feiras e mostras tecnológicas no Brasil e no mundo, como o Controlador Programável de Consumo de Energia e a Carteira Antiperda, ambos de alunos da ETE Henrique Lage. Nos Estados Unidos, o Ecojolos, sucesso de estudantes da ETE Adolpho Bloch, unidade em São Cristóvão, participou do Kairos Global Summit, em 2012, realizado em Nova York.

 

Governo do Rio

0 comentários