Jornada Mundial da Juventude já tem mais de 45 mil voluntários

Grupos irão recepcionar e organizar os peregrinos do evento católico
 

Um dos mais importantes eventos do calendário internacional do Rio de Janeiro, a Jornada Mundial da Juventude (JMJ) está mobilizando católicos do Brasil e do mundo. A menos de um ano do encontro, mais de 45 mil peregrinos já se inscreveram para atuar como voluntários entre os dias 23 e 28 de julho de 2013. A expectativa é de que 60 mil pessoas participem da JMJ como colaboradores.

 

 

Os grupos serão capacitados para atender aos mais de 2,5 milhões de peregrinos e às 195 delegações estrangeiras que devem estar na Jornada. Eles vão organizar o público, participar de liturgias e atuar nos bastidores dos seis dias do encontro, que reunirá católicos em Copacabana e Santa Cruz. Os voluntários também ficarão nos principais pontos da cidade, como os aeroportos. Os amigos Camila Bertine, Patrícia Moraes, Juliana Frazão, Rafael Fritz e Pedro Fonseca já se cadastraram para ajudar na organização do evento. Eles participarão de toda a programação da JMJ, que inclui catequese, palestras, shows e a visita do Papa Bento XVI.

 

 

– Me inscrevi para ser voluntária na área de hospedagem e já estou trabalhando para que todos os peregrinos tenham um lugar para pernoitar – afirmou a estudante Camila. No último fim de semana de julho, os jovens passaram por um teste ao lado de outros 7 mil voluntários durante o evento Preparai o Caminho, o primeiro que antecedeu à 28ª JMJ, no Maracanãzinho. Agora, se preparam para outro encontro: o lançamento do hino oficial, previsto para o dia 14 de setembro.   “A responsabilidade é grande e temos que estar bem preparados” – disse Rafael.

 

 

Estrangeiros também se mobilizam

Católicos de diversas partes do mundo também aderiram ao voluntariado do JMJ do Rio nos últimos dois meses. De acordo com o presidente da Comissão Especial Governamental da Jornada, Luiz Carlos de Souza Pugialli, 60% dos inscritos são da Região Metropolitana do Rio, 20% dos demais estados do Brasil e 20% de outros países.

 

– Os pré-requisitos dependem das funções que eles irão cumprir. Por exemplo, para às autoridades é preciso ser bilíngue. Depois que os voluntários se inscrevem no site da JMJ (www.rio2013.com), eles passam por uma seleção. No ano que vem, serão capacitados. Queremos um Maracanã de voluntários – afirmou Pugialli.

 

Fonte: Governo do Rio

0 comentários

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.