Manguinhos e Jacarezinho ganham patrulhamento com motocicletas

No total, 32 policiais passaram por treinamento no grupamento tático do Batalhão de Choque
 

Trinta e dois policiais das Unidades de Polícia Pacificadora (UPPs) de Manguinhos e do Jacarezinho, na Zona Norte, estão utilizando motocicletas para patrulhar as ruas e vielas dos complexos de comunidades. O objetivo é tornar o policiamento mais dinâmico em áreas de difícil acesso. Os soldados receberam treinamento no Grupamento Tático de Motociclistas (GTM) do Batalhão de Choque.

 

Segundo o comandante da UPP Manguinhos, capitão Marcelo Martins, a novidade vai garantir mais agilidade nos becos e ruas estreitas das comunidades e nas vias expressas localizadas no entorno da região. A intenção da Coordenadoria de Polícia Pacificadora (CPP) é levar a iniciativa a outras áreas pacificadas. Atualmente, apenas algumas UPPs utilizam os veículos, mas em número reduzido.

 

– Queremos dar maior celeridade e mobilidade ao atendimento à população. Na UPP de Manguinhos, temos 16 soldados utilizando motocicletas. Recebemos a orientação de ocupar todos os espaços, nos mostrando presentes e buscando o contato com o morador para sedimentarmos a relação de confiança – disse o comandante.

 

Durante uma semana, os policias receberam orientação quanto ao uso das motocicletas em terrenos acidentados. Entre as técnicas transmitidas pelos instrutores do Batalhão de Choque estão frenagem, aceleração, curva, pilotagem defensiva e em terreno off road e transporte de passageiros com segurança.

 

– O treinamento é específico porque as comunidades apresentam características próprias de pavimentação. Estamos falando de áreas não asfaltadas, de trechos onde o asfalto está misturado com paralelepípedo e obstáculos. Há uma série de fatores que dificultam o acesso dos soldados – explicou o policial do Batalhão de Choque, capitão Lima Ramos.

 

Governo do Rio

0 comentários

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.