Manifestação de moradores do Vale do Cuiabá cobra construção de casas para desabrigados

Após a manifestação, Quintella e outras lideranças comunitárias se reuniram com o prefeito de Petrópolis, Rubens Bontempo.
 

Moradores da comunidade do Vale do Cuiabá, no distrito de Itaipava, em Petrópolis, fizeram sábado (12) uma manifestação para lembrar os dois anos da tragédia causada pelas chuvas na região serrana, em janeiro de 2011. Realizado na Estrada União e Indústria, junto à estação de ônibus de Itaipava, o ato, organizado pela Associação de Moradores de Boa Esperança e Cuiabá, reuniu sobreviventes, parentes e amigos de vítima da tragédia que deixou 73 mortos e mais de 18 desaparecidos no vale.

 

 

A região foi a mais atingida pelas chuvas daquele ano no município de Petrópolis, mas até hoje, segundo os moradores, pouco foi feito pelas vítimas. “Em 2011 fizeram a limpeza, mas depois disso nada foi feito em 2012. As nossas dificuldades continuam as mesmas. O poder público não construiu nenhuma casa. São mais de 900 famílias ainda vivendo no aluguel social”, disse o presidente da associação de moradores, José Quintella.

 

 

Após a manifestação, Quintella e outras lideranças comunitárias se reuniram com o prefeito de Petrópolis, Rubens Bontempo. Segundo Quintella, o encontro foi produtivo. “Ele trouxe todo o seu secretariado para ouvir as necessidades da comunidade e a Câmara Municipal também se fez presente em quase toda a sua totalidade”, disse.

 

Na reunião, Bontempo confirmou que vai criar a Secretaria Extraordinária de Recuperação, Revitalização e Reconstrução do Vale do Cuiabá, que terá como um de seus encargos a construção de casas populares para os atingidos pela tragédia. O prefeito disse também que na próxima terça-feira (15) fará uma visita ao vale.

 

Agência Brasil

0 comentários

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.