Nova tecnologia de irrigação assegura economia de água

Na cidade de Petrópolis, sistema automatizado consome quatro vezes menos água
 

 

 

Para estimular o uso de sistemas de irrigação de baixo impacto em áreas rurais do distrito de Corrêas, em Petrópolis, a Secretaria de Agricultura e a prefeitura da cidade apresentaram a 30 produtores rurais as novas tecnologias disponíveis no mercado. O objetivo é ensinar as técnicas na microbacia do Bonfim, que sofreu estiagem e queda de volume de água.

 

A ação faz parte de um dos projetos implementados em parceria com a concessionária Águas do Imperador e a Associação dos Produtores Rurais da região para disseminar a irrigação econômica, o saneamento básico e o reflorestamento entre os produtores.

 

– No Bonfim, havia excesso de água. Agora a realidade é diferente. Vamos continuar atuando, simultaneamente, com ações de conservação do solo e da água – afirmou o extensionista da Emater-Rio em Petrópolis, André de Azevedo.

 

No sítio Boa Esperança, um sistema de irrigação automatizado consome quatro vezes menos água.

 

– Vou economizar água e também tempo. Espero aumentar a produtividade no cultivo das hortaliças – disse o agricultor Wanderley da Rosa.

 

Governo do Rio

0 comentários

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.