Custo de vida sobe 0,12% em fevereiro, diz Dieese

Em comparação ao mês de janeiro, a taxa apresentou queda de 1,65 ponto percentual
 

O custo de vida na cidade de São Paulo subiu 0,12% em fevereiro, divulgou hoje (8) o Departamento Intersindical de Estatística e Estudos Socioeconômicos (Dieese). Esta é a variação mais baixa verificada pelo departamento desde junho de 2011, quando a taxa caiu 0,03%.

 

Em comparação ao mês de janeiro, a taxa apresentou queda de 1,65 ponto percentual. De acordo com o Dieese, o grupo que determinou a pequena variação foi habitação (-1,93%), que refletiu, entre outros fatores, a queda de 1,17% na taxa de condomínio, influenciada pela queda no preço da energia elétrica. Os grupos alimentação (0,71%), transporte (1,30%) e saúde (0,77%) mantiveram o comportamento de alta. No caso de transporte, a alta se deve principalmente ao aumento no preço dos combustíveis.

 

Entre março de 2012 e fevereiro deste ano, o índice de custo de vida (ICV) teve aumento de 6,87%. Dos dez grupos que compõem o índice, três apresentaram alta acima da inflação no acumulado dos últimos 12 meses (6,86%, segundo ICV/DIEESE): despesas pessoais (21,32%), alimentação (12,34%) e educação e leitura (7,30%). Apenas o grupo equipamento doméstico apresentou queda no período (-1,90%).

 

Agência Brasil

0 comentários