Dilma e Cabral participam da inauguração de hospital municipal

Nova unidade de saúde da Ilha do Governador irá beneficiar 900 mil moradores da região
 

A presidenta Dilma Rousseff, o governador Sérgio Cabral, o vice-governador e coordenador de Infraestrutura, Luiz Fernando Pezão, e o prefeito do Rio, Eduardo Paes, participaram nesta sexta-feira (1/3) – dia em que o Rio de Janeiro comemora 448 anos – da inauguração do Hospital Municipal Evandro Freire, na Ilha do Governador. A nova unidade conta com 120 leitos, sendo 73 de internação, e terá capacidade para atender pessoas dependentes de crack.

 

Cerca de 700 profissionais vão trabalhar no hospital, que conta com especialidades cirúrgicas gerais, nefrologia e trauma. Construída em uma área de 12 mil metros quadrados, a unidade custou R$ 57 milhões e poderá realizar seis mil atendimentos mensais. A estimativa é que o hospital beneficie 900 mil moradores da região e do entorno.

 

O Hospital Municipal Evandro Freire possui centro de imagem equipado com dois aparelhos de Raios-x, dois de ultrassonografia, um ecocardiograma, e aparelho de videoendoscopia e eletrocardiograma. As instalações da unidade ainda incluem consultórios, salas de curativos e suturas, isolamento, centro de estudos, central de esterilização, laboratório, farmácia e salas de observação e estabilização.

 

– Em dia de aniversário, a gente comemora e dá presente. Hoje a população recebeu um presente histórico. É muito importante ter um hospital desta qualidade, com equipamentos de qualidade. Uma das coisas que me chamou a atenção foi os leitos disponíveis para o tratamento de urgência de crack. O crack destrói jovens, por isso, fiquei muito impressionada com o cuidado e com a qualidade do atendimento nessa área. Conseguimos fazer uma parceria de qualidade aqui no Rio de Janeiro, junto com o Governo do Estado e com a Prefeitura, e temos muito orgulho disso – disse a presidenta.

 

Durante o evento, Sérgio Cabral agradeceu a presença de Dilma na inauguração do hospital em uma data importante para a cidade.

– É importante recebermos a presença da presidenta Dilma Rousseff num dia tão importante para o Rio de Janeiro, em seus 448 anos de existência. Queria também saudar a equipe do prefeito pela inauguração do hospital. Viemos celebrar a inauguração de um sonho. Desde que me entendo por gente, a Ilha do Governador pedia por um novo hospital. Agora, aos 448 anos, há, finalmente, um novo hospital para a Ilha – afirmou o governador.

 

O prefeito Eduardo Paes enfatizou a capacidade da unidade para receber usuários de drogas e álcool.

– A população da Ilha passou 15 anos esperando pela inauguração de um hospital. Então, é uma honra poder entregar oficialmente, ao lado do governador e da presidenta, um hospital completo, com 120 leitos, sendo alguns deles voltados para pessoas com problemas de álcool e drogas – explicou Paes.

 

Também marcaram presença na solenidade, o vice-governador e coordenador de Infraestrutura do Estado, Luiz Fernando Pezão, o secretário de Saúde, Sérgio Côrtes, e o ministro de Saúde, Alexandre Padilha.

 

Governo do Rio

0 comentários

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.