Rodoviária Novo Rio terá fiscalização permanente para acabar com táxis ilegais

Somente nas últimas horas, a Operação Táxi Legal, no entorno da Rodoviária Novo Rio, fez 179 vistorias nos táxis que operam no local
 

O combate ao transporte pirata e à ação ilegal de taxistas na Rodoviária Novo Rio, o segundo maior terminal rodoviário do país, por onde passam diariamente milhares de pessoas, terá um novo sistema de fiscalização que funcionará durante 24 horas. Ele será implantado a partir do dia 8 de abril.

 

De acordo com o secretário de Transportes do Rio de Janeiro, Carlos Roberto Osorio, serão instaladas câmeras de vigilância, com imagens em tempo real para o Centro de Operações da prefeitura. A Guarda Municipal vai ampliar o seu contingente no local e a Polícia Militar intensificará o policiamento no entorno da rodoviária com patrulhamento dia e noite.

 

“Chegou a hora de acabar com a briga de gato e rato que se transformou o entorno da rodoviária. Somente com a fiscalização, presente 24 horas, será possível garantir um serviço de transporte adequado aos que chegam e partem do Rio de Janeiro. Para isso será indispensável a colaboração e parceria da Polícia Militar”, disse Osorio.

 

Somente nas últimas horas, a Operação Táxi Legal, no entorno da Rodoviária Novo Rio, fez 179 vistorias nos táxis que operam no local. Elas resultaram em 35 veículos lacrados, dois veículos rebocados e três táxis piratas apreendidos. A operação é permanente e será reforçada durante o feriado da Páscoa.

 

Agência Brasil

0 comentários