Manguinhos recebe cursos profissionalizantes na área de beleza

Projeto oferece cursos para moradoras de área pacificada
 

Denise Maria Sousa, de 24 anos, sempre teve aptidão para fazer unhas e desejava transformar sua habilidade em ganha-pão. No mês de janeiro, surgiu uma oportunidade para a moradora de Manguinhos aperfeiçoar seu ofício e se profissionalizar: ela se inscreveu no curso de manicure e pedicure oferecido pela Escola-Carreta da Beleza, do Senac, que atualmente acontece em sua própria comunidade, ocupada pelas forças de pacificação desde outubro de 2012.

 

– Manicures não têm dificuldade para arranjar emprego, por isso, quis me profissionalizar na área. O curso da Senac está me abrindo muitas portas. Já atendo clientes em casa e recebi até convite para trabalhar em um salão de beleza em Manguinhos – diz Denise, que está prestes a concluir o curso.

O projeto Escola-Carreta da Beleza do Senac tem o objetivo de oferecer cursos profissionalizantes e gratuitos na área de beleza – aulas de cabeleireiro, maquiagem, manicure e pedicure e design de sobrancelhas – a moradores de comunidades pacificadas. As aulas são realizadas de segunda a sábado, em três turnos, dentro de uma carreta que contém todo o aparato necessário para o processo de capacitação profissional. Os módulos têm duração que variam de 80 a 100 horas, e são concluídos em cerca de três meses. Ao todo, são disponibilizadas 250 vagas entre os quatro cursos de beleza. As aulas são ministradas por um coordenador docente e cinco professores.

 

Ao terminar o curso, as alunas recebem o certificado de qualificação profissional e ainda ganham um kit empreendedor com ferramentas essenciais e específicas para cada área de beleza (prancha alisadora, secador de cabelo, estojo de maquiagem, esmaltes, alicate de unha, hena para design de sobrancelhas etc) que possibilitam a realização de trabalhos autônomos.

 

Além de Manguinhos, outras quatro comunidades pacificadas já receberam a Carreta da Beleza, como Borel, Salgueiro, Morro dos Macacos e Vila Cruzeiro. A próxima área a ser contemplada pela escola itinerante será Batan, em Realengo.

 

– O diferencial da Carreta da Beleza é a possibilidade de empregabilidade imediata após o curso. Com o kit que fornecemos para as alunas, elas possuem as ferramentas essenciais para exercer a profissão e condições de trabalhar de forma independente e até mesmo dentro de casa, ajudando a melhorar a renda da família. Além disso, os cursos de beleza ajudam a melhorar a autoestima das mulheres das comunidades, que começam a se preocupar mais com a apresentação pessoal – afirma a gerente de Responsabilidade Social do Senac, Ana Paula Nunes.

 

Rosana de Melo Januário, de 36 anos, aproveitou a presença da Carreta em Manguinhos para fazer cursos de cabeleireiro, maquiagem e design de sobrancelhas. Formada em Direito, a moradora do Jacaré, deseja mudar radicalmente sua área de atuação profissional e já sonha em abrir um salão de beleza após conquistar os registros profissionais:

 

– Como estou desempregada, aproveitei que a Carreta da Beleza está próxima de onde moro para fazer três cursos na área de beleza. Posso dizer que, agora, me encontrei profissionalmente. Pretendo abrir meu próprio salão de beleza e me especializar cada vez mais no segmento.

 

Outra aluna do curso de cabeleireiro, Carla Nascimento Teixeira, de 33 anos, comemora a oportunidade de reciclar seus conhecimentos e retomar sua trajetória profissional.

 

– Cheguei a fazer um curso de cabeleireiro há muitos anos e estou tendo a chance de me reciclar e aprender coisas novas. No passado, desperdicei a chance de trabalhar com isso, mas, agora, vou investir de verdade na área. Adoro ser cabeleireira – diz a moradora do Jacaré.

 

Carretas da Informática e da Gastronomia

 

Além dos cursos de beleza, o projeto itinerante – que desde 2010 oferece cursos de capacitação em comunidades pacificadas do Rio de Janeiro – também dispõe de outras duas carretas profissionalizantes: de informática e de gastronomia.

0 comentários

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.