Motoristas de ônibus do Rio terão que passar por reciclagem

As punições definidas pela nova lei vão desde a obrigatoriedade de frequentar cursos de reciclagem até a demissão
 

 

 

O prefeito Eduardo Paes e o secretário municipal de Transportes, Carlos Roberto Osório, divulgaram na quarta, dia 1º,  detalhes de um decreto que será publicado na sexta (3) para definir um novo sistema de controle da pontuação de motoristas de ônibus que cometem infrações de trânsito. As punições definidas pela nova lei vão desde a obrigatoriedade de frequentar cursos de reciclagem até a demissão.

 

 

O projeto prevê que os 18 mil motoristas em atividades na cidade deverão passar por um programa de treinamento de reciclagem num período de até um ano. As empresas terão 30 dias para apresentar um planejamento de como esse treinamento será feito. Outra determinação do decreto é o deslocamento de 100 guardas municipais para a Secretaria Municipal de Transportes, com o objetivo de fiscalizar os ônibus.

 

 

Na parte da manhã, o prefeito se reuniu com representantes da Federação de Triathlon do Rio de Janeiro, encontro no qual ficou definido que os triatletas da cidade terão faixas exclusivas para treinar das 4h às 5h30 em dois pontos da zona sul: no Aterro do Flamengo, entre o o Hotel Glória e o restaurante Porcão Rio’s, e na orla de Leblon e de Ipanema, nas Avenidas Delfim Moreira e Vieira Souto.

 

 

Apesar de já existir ciclovia nos dois lugares, o presidente da federação, Júlio Alfaya, explicou que ela não é adequada para o treino dos atletas, que atingem 50 quilômetros por hora (km/h). As faixas exclusivas devem estar disponíveis em junho.

 

 

 

Dia 30 de abril um triatleta morreu atropelado por um ônibus enquanto treinava na orla de Ipanema, na zona sul. Antes que Pedro Nicolay fosse velado, outro triatleta foi atropelado na quarta, dia 1º de maio na Praça da Bandeira, zona norte, por um carro de passeio, que não prestou socorro. Ele foi levado para o Hospital Souza Aguiar com ferimentos leves. O corpo de Nicolay foi cremado nesta tarde.

0 comentários

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.