Paixão à primeira lida

De Beatles a Mandela Editora Nossa Cultura oferece dicas de presentes para o Dia dos Namorados
 

Dia 12 de junho está chegando e a correria atrás do presente perfeito já começou. Para ajudar na difícil missão de presentear o namorado ou namorada, a Editora Nossa Cultura selecionou quatro títulos que vão desde uma autobiografia de Nelson Mandela a um romance que aborda a solidão de um polígamo.

 

 

Para começar, duas dicas que se unem pela temática musical e pelos fortes nomes da música em seus títulos. São eles: A Batalha pela alma dos Beatles e Caro Morrissey. Escrito pelo jornalista Peter Doggett, o primeiro retrata os reais motivos que culminaram no fim da banda dos meninos de Liverpool. Sem medo de magoar os fãs ou sentimentalismo, Peter cutuca, remexe e expõe as rivalidades, conflitos e problemas até então não revelados.

 

 

Já o livro Caro Morrissey, escrito por Willy Russell, une cartas escritas e nunca entregues pelo jovem Raymond para o vocalista Patrick Morrissey da banda The Smiths. Contando suas aventuras e desventuras dignas de uma tragicomédia, o adolescente de 19 anos inicia uma viagem em busca de uma carreira musical. Munido de seu caderno e violão, Raymond encontra no ídolo a única companhia e para ele endereça cartas que contam desde as situações mais embaraçosas possíveis a momentos de reflexão.

 

 

No caso dos parceiros ou parceiras mais políticos e/ou interessados na temática biografia, a dica da editora é o livro Nelson Mandela – Longa caminhada até a liberdade. Escrito pelo próprio ex-presidente sul-africano, que começou a produção clandestinamente em 1974 durante sua detenção na Ilha de Robben, o livro conta desde a infância à saída da prisão e tomada do poder como presidente. Com linguagem simples e direta, Mandela abre toda a sua vida, até seus pensamentos mais íntimos enquanto esteve na prisão. O título originou o filme, de mesmo nome, que está em processo de produção e tem previsão de estreia para novembro de 2013.

 

 

Para finalizar, a Nossa Cultura sugere um livro único em sua proposta, o romance O polígamo solitário, escrito por Brady Udall. A obra foi best-seller do New York Times e aborda o tema poligamia de forma leve e engraçada. Nela, são contadas as histórias de Golden Richards, suas quatro esposas, Nola, Rose-Of-Sharon, Beverly, Trish e seus 28 filhos. A inspiração para escrever a narrativa veio primeiramente da família, já que o tataravô do autor era polígamo, e, unido a isso, a convivência de Udall com famílias que viviam neste formato. O polígamo solitário trata os paradoxos do tema e mostra que mesmo vivendo de uma forma “diferente”, os problemas e percalços da situação são semelhantes aos dos relacionamentos tradicionais.

 

 

Saiba mais sobre a editora:
Site: www.nossacultura.com.br/

 

0 comentários

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.