Procon Carioca e Delegacia do Consumidor encontram 156 quilos de produtos impróprios ao consumo em supermercados da Tijuca

Pão de Açúcar da Praça Afonso Pena e no Extra da Rua Conde de Bonfim
 

Fiscais do Procon Carioca, órgão da Prefeitura do Rio, e agentes da Delegacia do Consumidor – DECON apreenderam, na quinta-feira, 156 quilos de alimentos sem prazo de validade ou data de fabricação, em dois supermercados na Tijuca.

 

No Pão de Açúcar, da Praça Afonso Pena, na Rua Doutor Satamini, 164, foram encontrados no frigorífico  32,9 quilos de alimentos impróprios ao consumo, entre eles 19,6 kg de peixes, 4,7 kg de carne de porco, 5,5 kg de fígado de boi, 2,2kg de carne moída, além de um bolo sem condições de consumo.

 

No Extra, da Rua Conde de Bonfim, 186, também foram recolhidos 92,2 kg de frango e miúdos, 12,5kg de carne seca, 8,6 kg de mocotó, 6,7 kg de lombo bovino, além de 3,4 kg de carne de porco.

 

Os dois supermercados foram notificados e têm agora 10 dias para apresentar a  defesa, sob pena de multa de R$ 46.123,80.

 

Em nota os supermercados informam

 

O Extra trabalha de acordo com as orientações dos órgãos reguladores, cumpre os padrões previstos pela legislação sanitária e tem rigoroso procedimento para auditar a qualidade dos produtos em suas lojas. A empresa informa que os itens apontados pelo órgão foram retirados e descartados. A rede reitera que reorientou seus colaboradores com relação ao padrão de operação exigido pela companhia e tomou medidas para que o fato não volte a ocorrer.

 

O Pão de Açúcar trabalha de acordo com as orientações dos órgãos reguladores, cumpre os padrões previstos pela legislação sanitária e tem rigoroso procedimento para auditar a qualidade dos produtos em suas lojas. A empresa informa que os itens apontados pelo órgão não estavam expostos na área de venda e já foram descartados. 

0 comentários