Apple pede registro para marca ‘iWatch’ no Japão

A Samsung, que ultrapassou a Apple como maior fabricante de smartphones do mundo, também trabalha em um dispositivo vestível semelhante a um relógio de pulso, contou uma fonte com conhecimento do assunto
 

Japoneses adoram badulaques da Apple e, ao que parece, o iWatch em breve será realidade também no Japão. Na foto, de 16 de março de 2012, Ryota Musha, 41, à direita, e Hisanori Kogure, 31, exibem os iPads que compraram na Apple Store de Tóquio Foto:  A Apple apresentou um pedido para registrar a marca “iWatch” no Japão, disse nesta segunda-feira um oficial de patentes, sinalizando que a empresa do iPhone avança no plano de lançar um dispositivo em formato de relógio à medida que as fabricantes de gadgets voltam a atenção para os computadores vestíveis.

 

Submetido em 3 de junho ao Escritório de Patentes do Japão e disponibilizado para consulta no site no dia 27 do mesmo mês, o pedido de registro de marca seria válido para computadores, computadores periféricos e relógios de pulso, disse o funcionário. Ele acrescentou que o tempo necessário para o desfecho do processo era indefinido.

 

Dispositivos vestíveis são considerados um nicho em potencial num momento em que smartphones como o iPhone e o Galaxy, da Samsung, estão perdendo a habilidade de impressionar consumidores e investidores.

 

O “New York Times” informou em fevereiro que a Apple estava experimentando um modelo com design semelhante ao de um relógio, feito com vidro curvo e construído sobre a mesma plataforma iOS do iPhone e iPad.

 

0 comentários