Homem morre baleado no Morro do Vidigal, pacificado desde janeiro do ano passado

O Morro do Vidigal foi ocupado pela Polícia Militar em novembro de 2011 e recebeu uma Unidade de Polícia Pacificadora (UPP) em janeiro do ano passado
 

 Um homem que foi baleado na tarde de sexta-feira (12), na comunidade do Vidigal, na zona sul da cidade, morreu horas depois no hospital. Segundo a assessoria de imprensa da Unidade de Polícia Pacificadora (UPP), Rodrigo Pessoa estava trabalhando em um lava-jato dentro da favela, quando um homem passou em uma moto e atirou.

 

 

Rodrigo foi atingido no olho e encaminhado, em estado grave, para o Hospital Municipal Miguel Couto, também na zona sul. Policiais militares da UPP do Vidigal buscam informações sobre o assassino.

 

 

O Morro do Vidigal foi ocupado pela Polícia Militar em novembro de 2011 e recebeu uma Unidade de Polícia Pacificadora (UPP) em janeiro do ano passado.

 

Agência Brasil

0 comentários