Missa de encerramento da JMJ muda de local e será em Copacabana

A missa terá a presença do papa Francisco, que também deve anunciar a sede do próximo encontro mundial de jovens católicos
 

papa franciscoO prefeito Eduardo Paes confirmou que a missa de encerramento da Jornada Mundial da Juventude (JMJ) no domingo (28) foi transferida de Guaratiba, na zona oeste, para Copacabana, zona sul. Por causa da chuva, o terreno está encharcado, impedindo a realização do evento.

 

 

A missa terá a presença do papa Francisco, que também deve anunciar a sede do próximo encontro mundial de jovens católicos.

 

Com isso, a peregrinação de 13 km não poderá ser realizada. Diferentemente do que aconteceria em Campus Fidei, onde os participantes passariam toda a noite em vigília, em Copacabana a programação será encerrada após a Vigília de Oração com o Papa Francisco (prevista para começar no sábado, 27, às 19h30) e retornará no domingo, 28, às 10h, com a presença do pontífice.

 

 

“Foi uma decisão difícil, mas responsável, pensando sempre na segurança do nosso peregrino. Copacabana sempre foi o nosso plano B, que agora teremos que colocar em prática. Quem está no Rio de Janeiro sente o que a JMJ trouxe. Que a JMJ continue alegre e feliz”, disse Dom Paulo Cezar Costa, vice-presidente do COL.

 

 

0 comentários