Fundação Leão XIII realiza ação social em São Gonçalo

Projeto Novo Olhar fará exames de vista e pacientes com cataratas poderão fazer a cirurgia, sem despesa, num prazo de 60 dias
 

O projeto Resgatando Cidadania, da Fundação Leão XIII, volta no sábado (26/10) a São Gonçalo para levar aos moradores do Paraíso, Porto da Madama, Gradim e Porto Novo, entre outros bairros, serviços como tratamento cirúrgico para cataratas, óculos de grau, exames preventivos de saúde, documentação e beleza. O atendimento vai ser feito no Ciep Jornalista Wladimir Herzog, na avenida Dr. Francisco Portela, s/nº, bairro Paraíso, a partir das 9h.

 

O projeto Novo Olhar vai levar equipe médica e equipamentos para realizar, na hora, exames de vista. Pacientes com diagnóstico de cataratas poderão fazer a cirurgia em uma unidade particular de saúde, sem qualquer despesa, num prazo de 60 dias. Quem precisar de óculos de grau vai receber um novo par, 30 dias depois, no próprio Ciep Wladimir Herzog. O Novo Olhar atende pessoas com mais de 40 anos e renda de até dois mínimos mensais.

 

Também vão ser feitos exames de glicemia, pressão arterial e o preventivo do câncer de cólon, o papanicolau. Na área da documentação, vão ser emitidas carteiras de identidade e de trabalho, primeira e segunda vias. Quem precisa de segunda via das certidões de nascimento, casamento ou óbito pode buscar o formulário que isenta do pagamento de taxas nos cartórios. No estande da Faetec, esteticistas vão fazer corte de cabelo (ambos os sexos, adultos e crianças), unhas e maquiagem.

 

 

Na edição anterior do projeto Resgatando Cidadania, acontecido no início do mês (5/10), foram marcadas 33 cirurgias de cataratas e 447 pares de óculos serão entregues pelo Projeto Novo Olhar. A Fundação Leão XIII é vinculada à Secretaria de Ação Social e Direitos Humanos.

 

Agência Brasil

0 comentários

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.