Teatro João Caetano completa 200 anos com espetáculos gratuitos

Espaço cultural reúne preciosidades da história da cidade do Rio de Janeiro
 

 

Fernanda Montenegro, Paulo Autran, Bibi Ferreira, Maria Bethânia, Gal Costa. Estes são apenas alguns ícones brasileiros que passaram pelo palco bicentenário do Teatro João Caetano. Inaugurado em 12 de outubro de 1813 por D. João VI, o antigo Real Teatro de São João, completa  200 anos com uma programação gratuita e especial, a partir de amanhã.  

 

 

A secretária de Cultura, Adriana Rattes, disse que ver o espaço estadual comemorar dois séculos de existência é motivo de orgulho.  “Fico feliz que o teatro chegue aos 200 anos sendo bem usado pelos artistas e pelo público. Hoje, a equipe tem orgulho de trabalhar lá”, afirmou Adriana. 

 

 

Diretor do teatro há cinco anos, Daniel Dias destaca que a história da cidade se confunde com a trajetória do local.   “O Teatro João Caetano tem expostos no foyer, no segundo andar, os dois primeiros painéis modernistas da América Latina, pintados por Di Cavalcanti. Reunimos uma riqueza enorme e belíssima, que se confunde com a história da cidade e da cultura”, disse Daniel.  

 

 

A programação de aniversário vai contar com a premiada Companhia de Dança Débora Colker, que vai apresentar o espetáculo Nó, amanhã, às 18h, e no domingo (13/10), às 11h. 

 

 

Núcleo de Imprensa do Governo do Estado do Rio de Janeiro

0 comentários

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.