Prefeitura do Rio reinaugura na Gamboa Centro Cultural José Bonifácio

A cerimônia será realizada no dia 20 de novembro, 'Dia da Consciência Negra'
 
Gamboa Centro Cultural José Bonifácio

O Centro Cultural José Bonifácio (CCJB) será reinaugurado pela Prefeitura do Rio nesta quarta-feira (20/11), Dia da Consciência Negra. A construção do século XIX da Rua Pedro Ernesto foi restaurada pelo programa Porto Maravilha Cultural e faz parte do Circuito Histórico e Arqueológico da Celebração da Herança Africana, na Gamboa. O novo centro reabre sob a coordenação da Companhia de Desenvolvimento Urbano da Região do Porto do Rio de Janeiro (Cdurp), em parceria com a Secretaria Municipal de Cultura e o Instituto Rio Patrimônio da Humanidade, e mantém o compromisso de preservar e valorizar a cultura afro-brasileira, com raízes na cidade fortemente ligadas à Região Portuária.

 

 

O palacete foi inaugurado em 1877 por Dom Pedro II, ainda com o nome de Escola Pública Primária da Freguesia de Santa Rita, a primeira da América Latina. Desativado em 1977 devido ao estado precário em que se encontrava, teve seus alunos transferidos para outros colégios da rede e logo depois passou a sediar a Biblioteca Popular Municipal da Gamboa. Em 1994, após grande reforma, tornou-se o Centro de Referência da Cultura Afro Brasileira.

 

 

A importância na preservação das culturas africana e afro-brasileira fez com que o CCJB fosse incluído no Circuito Histórico e Arqueológico da Celebração da Herança Africana, instituído pela Prefeitura do Rio em 2011 com esse objetivo. No total, são seis os pontos do circuito que serão transformados em áreas de visitação: CCJB, Cais do Valongo e da Imperatriz, o Jardim Suspenso do Valongo, a Pedra do Sal, o Largo do Depósito e o Cemitério dos Pretos Novos.

 

 

PREFEITURA DO RIO

0 comentários