Procon vai ganhar nova sede e três postos de atendimento

Órgão também irá contar com mais profissionais para reforçar o serviço prestado à população
 

A Secretaria de Proteção e Defesa do Consumidor vai ganhar uma nova sede em dezembro. O edifício que abrigará o órgão fica na Avenida Rio Branco, no centro da capital. Além do quadro atual de 156 servidores, o espaço contará com mais 60 funcionários, aprovados no concurso promovido pelo Procon-RJ. Os atendentes, advogados e fiscais ajudarão a aumentar o número de atendimentos à população. 

 

 

“O novo prédio terá espaço para um setor de pesquisas, que fará um acompanhamento de preços e repassará ao consumidor as empresas que praticam os menores valores”, explicou a secretária de Proteção e Defesa do Consumidor, Cidinha Campos. 

 

 

A previsão é de que mais três postos do órgão sejam abertos em 2014, em Madureira, Campo Grande e Méier. Espalhadas pela capital e pela Região Metropolitana, as sete unidades existentes realizam, em média, 16 mil atendimentos por mês. Em 26 de outubro, o Procon registrou um recorde, somando 865 casos  solicitados pelos consumidores.

 

 

Ações agilizam encaminhamentos

O consumidor que vai pessoalmente a uma das unidades do Procon é colocado em contato telefônico com a instituição da qual está reclamando. Se não houver acordo, o órgão notifica a empresa, que tem um prazo para comparecer a uma audiência de conciliação.

 

O Procon também disponibiliza outras formas de atendimento como o serviço móvel e o Expressinho, atendimento   feito direto por funcionários de empresas que costumam ser alvo de reclamação. Eles ficam na sede do órgão. 

 

0 comentários

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.