Justiça mantém condenação e blogueiro indenizará Ali Kamel

Ali Kamel receberá R$ 20 mil de indenização por danos morais
 

 

Ali  Kamel

Ali Kamel

 

A 8ª Câmara Cível do Tribunal de Justiça do Rio de Janeiro (RJ) condenou o blogueiro Luiz Carlos Azenha a pagar indenização de R$ 20 mil por danos morais ao diretor geral de Jornalismo e Esporte da TV Globo, Ali Kamel. A decisão manteve a condenação de primeira instância, diminuindo apenas o valor da indenização, antes ajustada em R$ 30 mil.

 

 

 

Segundo o ConJur, Kamel alegou sofrer uma “campanha difamatória” e mencionou algumas expressões utilizadas pelo blogueiro para classificá-lo como “aprendiz de feiticeiro” e praticante de um “jornalismo pornográfico”.

 

 

 

O termo passou a ser empregado por Azenha após ele publicar que o diretor teria sido ator pornô na juventude, participando do filme “Solar das Taras Proibidas”, quando, na verdade, o nome do astro era Alex Kamel. A informação foi anteriormente divulgada no site Cloaca News, também condenado.

 

 

 

Além disso, Azenha informava que Kamel seria o responsável editorial por todos os veículos jornalísticos das Organizações Globo, alegando que sua influência sobre o Conselho não passaria de uma “lenda urbana”.

 

 

 

Segundo a juíza Juliana Benevides de Araújo, o envolvimento de Kamel com a linha editorial dos meios de comunicação da Globo é uma “falsa afirmação”, uma vez que, à época das ofensas, ele estava subordinado a superior. Ela destacou que todos os jornalísticos da emissora contam com editores próprios, integrando um Conselho Editorial no qual o diretor é um dos membros.

 

 

 

A relatora do caso no TJ-RJ foi a desembargadora Monica Maria Costa Di Piero, acompanhada por Norma Suely Fonseca Quintes e Adriano Celso Guimarães. Cabe recurso ao Superior Tribunal de Justiça.

 

 

PORTAL IMPRENSA 

 

 

 

0 comentários